Solidariedade / Pessoas / Saúde / Caridade

Unindo forças para Kaio continuar o tratamento de Leucemia

ID da vaquinha: 1673912
Unindo forças para Kaio  continuar o tratamento de  Leucemia
URL copiada!
Daiane Lacerda Ferraz
Tremedal / BA
25%
Arrecadado
R$ 60.705,00
de
Meta
R$ 240.000,00
Apoiadores
579
Encerrada
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens

Kaio passou recentemente por um transplante de medula óssea, porém teve recindiva da doença de base, ou seja, a leucemia voltou. O tratamento indicado para o caso dele, que consiste no uso do medicamento  BLINATUMOMAB, o SUS não fornece.  A dose da medicação fica em torno de 10 mil reais e Kaio necessita fazer uso num total de 24 doses. 

 

Conheça sua história:

Kaio foi diagnosticado com LLA (leucemia linfóide aguda) em Abril de 2018 quando tinha 15 anos. Iniciou o tratamento no Hospital Manuel Novaes em Itabuna, tendo o apoio do GACC Sul Bahia(Grupo de apoio à criança com Câncer). Em 2019 retornou para Vitória da Conquista, realizando a fase de "manutenção", em que necessitava ir 1 vez por semana, fazer aplicação de quimioterapia. Em 2020 no início da pandemia, veio a notícia da recindiva da doença e que necessitava voltar ao tratamento e se submeter a um TMO (transplante de medula óssea). Dessa forma, voltou para Itabuna e ao tratamento. Nesse período teve algumas complicações, como uma Sepse (infeção generalizada) que o levou a UTI e ao coma induzido por 13 dias. 

No dia 10 de Novembro de 2020, realizou o tão sonhado transplante, tendo sua irmã como doadora, 100% compatível. Estava se recuperando bem, até um exame de rotina apresentar alteração, indicando mais uma vez a recindiva da doença. Agora, ele precisa ser submetido a um novo transplante, mas antes precisa estabilizar as células. O tratamento indicado agora é uma imunoterapia.  A imunoterapia, também conhecida por terapia biológica, é um tipo de tratamento que fortalece o sistema imune fazendo com que o corpo da própria pessoa tenha maior capacidade para combater o câncer e doenças autoimunes. Geralmente, a imunoterapia é iniciada quando outras formas de tratamento não estão tendo resultado no tratamento da doença.

 A medicação que a médica indicou como citada acima, não é fornecida pelo Sus,  o BLINATUMONAB.

O blinatumomab é um medicamento injetável que funciona como um anticorpo, ligando-se às membranas das células cancerígenas e permitindo que sejam mais facilmente identificadas pelo sistema imune. Dessa forma, as células de defesa têm maior facilidade para eliminar as células do câncer, especialmente no caso de leucemia linfoblástica aguda.

Atualmente Kaio se encontra hospitalizado no Hospital IMIP, em Recife, onde foi realizado o transplante, aguardando o início do tratamento com blinatumomab para posteriormente se submeter a um novo transplante.

Encerrada
AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.
Elementos SVG

Curta e compartilhe nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados. 2021