Vaquinha / Outros / Dinheiro

SALVEM O PÉ DO CLAUDEMIR

ID da vaquinha: 46624
SALVEM O PÉ DO CLAUDEMIR
Você não possui corações!
Clique aqui para comprar.
0 coração recebido
COMPARTILHE ESTA VAQUINHA
URL copiada!
0%
Arrecadado
R$ 115,00
de
Meta
R$ 60.000,00
Apoiadores
4
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens

SALVEM O PÉ DE CLAUDEMIR!

Trata-se de Claudemir Gomes de Farias, funcionário de um supermercado cujo nome é SUPERMERCADO GONÇALVES(supergoncalves.com.br), situado em Porto Velho/Rondônia. Claudemir trabalha num local da empresa chamado CD(centro de distribuição) e há 12 anos faz parte do grupo GONÇALVES. Na sexta-feira dia 18/03/2016, em seu local de trabalho, estava pilotando um empilhadeira quando houve um acidente, a empilhadeira que ele(claudemir) conduzia se chocou com outra empilhadeira e, infelizmente, seu pé foi esmagado com o choque das empilhadeiras. Desde então começou seu calvário. Ele foi levado pela empresa a uma UPA(unidade de pronto atendimento) e em seguida ficou aos cuidados de sua família(a empresa sumiu), neste local não foi possível prestar os primeiros socorros, pois como todos sabem, uma UPA não está preparada para atender a um esmagamento de membro. Então Claudemir foi levado até ao Pronto Socorro João Paulo Segundo, onde obteve atendimento, e a avaliação do médico foi: “Vamos ter que amputar seu pé”. Então foi providenciado a transferência de Claudemir ao HB(hospital de base de porto velho) numa tentativa da família de salvar o pé de Claudemir. No HB também iriam amputar seu pé. Numa outra tentativa de salvar o pé de Claudemir, sua esposa e amigos o levaram há um hospital particular chamado Ameron(www.ameron.com.br), situado na Av Calama, 2615, Porto Velho. Em seguida entraram em contato com a empresa onde Claudemir trabalha para pedir auxílio. Foram atendidos pela representante da empresa, trata-se da Sra. Cristiane, responsável pelo RH da empresa, a mesma foi contatada e disse que a empresa prestaria todo o apoio necessário. No entanto, Após o Ortopedista do Hospital Ameron realizar uma análise minuciosa e informar que deveria ser realizada uma cirurgia com urgência A empresa, representada pela senhora Cristiane, não atendeu mais as ligações ou qualquer outra forma de contato(whatsapp). Depois inúmeros tentativas, no dia seguinte, um amigo da família conseguiu contato com Cristiane onde a mesma mostrava-se indiferente com a situação do funcionário Claudemir, foi solicitado a mesma que comparecesse com urgência ao Hospital para prestar todo apoio necessário ao funcionário da empresa, e como dito anteriormente, mais uma vez a empresa mostrou-se indiferente, e como não fosse o bastante, a empresa representada pela Sra. Cristiane, pasmem, negou à administração do hospital que Claudemir fosse funcionário do Supermercado Gonçalves. Tudo aconteceu quando a administração do hospital, conduzida pela Sra. Adriane, ligou para a representante do supermercado, Sra. Cristiane, solicitando algumas informações sobre o paciente, foi quando a Sra. Cristiane NEGOU que o funcionário Claudemir fizesse parte do quadro de funcionário do supermercado Gonçalves. Acreditem! um funcionário que se dedicou 12 anos de sua vida a uma empresa está sendo, na hora que ele mais precisa de ajuda, humilhado por essa mesma empresa.

Diante dessa humilhante situação precisamos arrecadar dinheiro para o pagamento das custas da internação de Claudemir. Precisamos o quanto antes, pois o hospital quer tirá-lo de seu apartamento e devolve-lo ao HB. Lembrando que, se ele voltar ao BH, irão amputar seu pé.

 

Pessoal VAMOS SALVAR O PÉ DO CLAUDEMIR, ajudem nessa arrecadação. 

https://www.facebook.com/permalink.php?story_fbid=101585740242974&id=100011746441066

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.

Todos os direitos reservados. 2022