Cover img 20190615 121123 543
Thumb 64280610 1412322495573359 1753272797745905664 n

Vakinha de
Espaço Cultural das Marias
recife/PE

Salve Maria (o Espaço Cultural das Marias precisa de vocês)

ID da vaquinha: 611913

Copiar url:

Objetivo
R$ 4.000,00
Arrecadado
R$ 235,00
$ contribua

somos o Espaço Cultural das Marias. a nossa idéia era levar a cultura pra comunidade e divulgar os artistas que temos aqui no Ibura. o espaço foi criado pra ser um lugar de acolhimento e troca. e infelizmente, quiseram tirar isso da gente. por conta disso, terminamos perdendo nosso lugarzinho e acumulamos várias dívidas que precisamos pagar o mais rápido possível. precisamos da ajuda de vocês.

Criada em
15/06/2019
Encerra em
15/07/2019

queria ser o mais cética possível, mas é bem difícil numa situação dessa.

então, em conjunto, decidimos que o melhor a se fazer agora é fechar o espaço. essa semana entramos num acordo com o dono do ponto e decidimos que daríamos uma parte do aluguel essa semana e a outra parte até semana que vem. mas entendemos que a vizinhança está realmente com o propósito de nos tirar de lá e que qualquer documento que a gente faça pra continuar trabalhando não vai ser o suficiente, então não ta valendo a pena o desgaste psicológico, físico e financeiro por um lugar onde não nos querem lá. um lugar racista, lgbtfóbico e machista. além disso, todos os trâmites sairia muito caro e já temos muita demanda, muitas coisas pra pagar. na quarta fizemos o “dia das namoradas, nas marias” lá no casarão (conseguimos por uma junção de gente muito foda que se organizou pra nos ajudar e fazer com que esse nosso rolê desse certo. uma delas foi o gabinete das deputadas das juntas e mais algumas pessoas individuais incríveis também) e o dinheiro que conseguimos lá, pagamos o ponto, exatos $500 reais (pra segurar e pagar o outro pedaço na semana que vem). mas ainda falta o depósito onde pegamos as nossas bebidas que tá no valor de $1.400 reais (por conta dessas duas semanas que não podemos trabalhar), mais nossa casa de $450 reais, mais uma dívida no total de $1500 reais, aproximadamente, de coisas que compramos para a melhoria do espaço e que precisamos pagar a galera. a questão é que precisamos pagar a essa galera e recomeçar tudo.

temos consciência de que fizemos tudo muito certinho e que aquele espaço era nosso. um espaço de pretas e pretos. um espaço LGBT. um espaço da nossa família. mas é muito difícil resistir quando se existem pessoas extremamente racistas e lgbtfóbicos que são extremamente “fortes” pra sociedade a ponto de inventar mentiras pra autoridades e conseguir o que querem.

acreditamos que conseguimos mostrar pra todos nossa pretensão. não era um bar, mas um espaço cultural de mulheres pretas, mães, lgbts e candomblecistas que estavam de braços abertos pra acolher quem são os nossos, pra levar nossa cultura pra comunidade, pra movimentar os comércios já existentes e ajudar na criação de outros, de divulgar os artistas do nosso ibura, de acolher, ajudar, trocar e trazer junto com vocês o que é nosso pra nós. a gente sabe que chegamos muito perto disso com a revolta de algumas pessoas.

o intuito da gente, hoje, é conseguir esse dinheiro pra pagar tudo e tirar o resto pra alugar uma casinha maior e montar um espetinho.

a gente realmente precisa de vocês. com doações, com abraços, com a troca.

então falem com a gente, vamos pensar em algo juntxs pra que a gente consiga nos encontrar o mais rápido possível num lugar que realmente seja nosso. mais fortes.

é isso.

$ contribua

Novidades (0)

Quem ajudou (7)

  • Thaís Oliveira Silva
    em 24 de Junho de 2019

  • Matheus
    em 18 de Junho de 2019

  • anônimo
    em 17 de Junho de 2019

  • Mariana Ramos
    em 17 de Junho de 2019

  • anônimo
    em 17 de Junho de 2019

  • Flavia
    em 16 de Junho de 2019

  • akuenda translésbicha
    em 16 de Junho de 2019

Denuncie

É necessário estar identificado para fazer uma denúncia. Registre-se ou faça login.

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.