Solidariedade / Pessoas / Saúde / Caridade

Roda Chapéu pro Coco!

ID da vaquinha: 1408442
Roda Chapéu pro Coco!
Coco de Roda Acauã
19%
Arrecadado
R$ 940,00
de
Meta
R$ 5.000,00
Apoiadores
0
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens

Com o intuito de fortalecer e valorizar as tradições do Coco de Roda, da Ciranda e da Mazurca da Paraíba, estamos realizando uma série de oito lives, em parceria com o projeto “Saberes em Roda”. Aproveitamos esta oportunidade única de divulgar oito grupos de diferentes localidades da Paraíba para buscar apoio às suas comunidades diante da pandemia, que os impede de brincar e apresentar suas tradições.

Com 5.000 reais ajudaremos os nove grupos envolvidos nas lives do projeto Saberes em Roda com pelo menos 500 reais cada, dando suporte aos projetos e dificuldades específicos de cada comunidade, que são de diferentes naturezas: alguns estão arrecadando fundos para gravar seu primeiro CD; outros para a construção de um espaço para as festas; e muitos se encontram em situações bastante precárias devido à falta de trabalho causada pelo isolamento social. A

Os grupos participantes e as datas das suas lives, sempre às 15h:

12 de SET - Coco de Roda Potiguara Flor de Laranjeira (Aldeia Laranjeira - Baía da Traição)

26 de SET - Ciranda da Alegria (Assentamento Dona Antônia)

10 de OUT - Mazurca de Santa Catarina (Assentamento Santa Catarina)

24 de OUT - Desencosta da Parede e Coco de Roda Dona Edite (Caiana dos Crioulos)

07 de NOV - Mestra Penha Cirandeira 

21 de NOV - Ciranda Do Sol (Bairro dos Novais)

05 de DEZ - Coco de Roda Novo Quilombo (Quilombo Ipiranga - Conde)

19 de DEZ - Coco de Roda e Ciranda do Mestre Benedito (Cabedelo) 

Para assistir às lives, entre no canal do "Saberes em Roda": https://www.youtube.com/channel/UCZPa3s4wWBzeQB1xBEy2qMg  

 

As tradições do Coco de Roda, da Ciranda e da Mazurca da Paraíba, apesar de sua diversidade registrada em áudio já em 1938 nas Missões das Pesquisas Folclóricas, ainda são pouco conhecidas tanto pelos paraibanos como pelos brasileiros. Além da importância de visibilizar a história das brincadeiras para reconhecimento do papel de comunidades indígenas e quilombolas na construção da cultura paraibana, é fundamental conhecer as mestras e os mestres que se dedicam à preservação dessas tradições.

Foto: Seu Vanda e integrantes do Coco de Roda Novo Quilombo e Coco de Roda de Dona Edite. Fotógrafo: Bruno Vítor.

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.
Elementos SVG

Curta e compartilhe nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados. 2020