Pessoas / Saúde / Caridade

Mutirão: Solidariedade entre Trabalhadores em Tempos de Pandemia

ID da vaquinha: 1192797
Mutirão: Solidariedade entre Trabalhadores em Tempos de Pandemia
0 coração recebido
COMPARTILHE ESTA VAQUINHA
URL copiada!
11%
Arrecadado
R$ 8.355,00
de
Meta
R$ 74.900,00
Apoiadores
54
Encerrada
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Corações Recebidos
  • Mensagens

Esta vaquinha visa adquirir cestas básicas para serem doadas a famílias nas aldeias indígenas, migrantes e outras famílias em situação de pobreza acentuada durante o período da pandemia de Covid-19 residentes em Chapecó-SC e também em Nova Laranjeiras-PR. Queremos arrecadar o valor correspondente a 1.000 cestas básicas mensais com o valor unitário de R$ 70,00 nos meses de agosto, setembro, outubro e novembro de 2020.

Em Chapecó a vaquinha acolhe a campanha de solidariedade promovida pela Paróquia Santo Antônio - Região Nordeste de Chapecó/SC à qual se junta a SINDUFFS (Seção Sindical dos Docentes da Universidade Federal da Fronteira Sul) o SINDTAE (Sindicatos dos Trabalhadores Técnico-Administrativos da UFFS) e a Rede Emancipa - Movimento Social de Educação Popular. Em Nova Laranjeiras-PR as ações estão sendo levadas a cabo por um pequeno grupo de docentes da UFFS em parceria com a aldeia Campo do Dia da Terra Indígena Rio das Cobras.

Os recursos arrecadados serão convertidos em cestas básicas para as seguintes comunidades:

  1. Aldeia Campo do Dia da Terra Indígena Rio das Cobras de Nova Laranjeiras/PR— 90 famílias beneficiadas
  2. Terra Indígena do Toldo Chimbangue de Chapecó/SC— 40 famílias Guarani e 130 famílias Kaingang beneficiadas
  3. Aldeia Condá de Chapecó/SC— 250 famílias beneficiadas
  4. Aldeia Toldo Pinhal de Seara/SC— 20 famílias beneficiadas
  5. Famílias de Migrantes listadas pela Paróquia Sto. Antônio em Chapecó/SC— 300 famílias beneficiadas
  6. Demais famílias listadas pela Paróquia Sto. Antônio em Chapecó/SC— 170 famílias beneficiadas

Além da contribuição monetária você pode também doar cestas básicas e participar diretamente das ações. Para tal entre em contato com a Paróquia Santo Antônio ou com as docentes da UFFS do campus Laranjeiras do Sul que estão à frente da ação. 

Pe. Edivandro - Paróquia Santo Antônio (Chapecó - SC):Telefone Comercial: (49) 3323-5139Celular: (49) 991-581-370Endereço: Rua Quatorze de Agosto, 2190 E, Passo dos Fortes, em frente ao Mercado Sivial

Janine  - Rede Emancipa (Chapecó - SC):Celular/WhatsApp: 49) 991-468-393

Denilta Nirog Tavares (Laranjeiras do Sul - PR)Celular: (42) 991-664-357

Mutirão vem da palavra tupi motyrõ, que significa trabalho em comum. Trata-se de uma prática presente nas diversas comunidades da mesorregião, traço comum entre os diversos grupos étnicos: caboclos, indígenas, colonos, quilombolas, faxinalenses dentre tantos outros para os quais o mutirão (ou puxirão para alguns) é componente estruturante na vida dessas comunidades. Nos encontramos aqui igualmente com as melhores tradições dos sindicatos na construção do apoio mútuo entre os trabalhadores. Além dessa solidariedade mais imediata estamos na luta para que o governo federal assuma sua responsabilidade e amplie o auxílio emergencial até final do ano.Ajude a divulgação nas suas redes sociais:https://www.instagram.com/mutirao.solidariedadehttps://www.facebook.com/mutiraodesolidariedade

Acesse nosso site:https://sinduffs.org.br/mutirao

#Doe #Compartilhe

Encerrada
AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.