Cover 11035738 1632736500334323 5862488466351985119 n
Thumb profilepic

Vakinha de
Silvana Oliveira e Silva
/

Materiais para médicos e dentistas Missão Amazônia 2018

ID da vaquinha: 312959

Copiar url:

Objetivo
R$ 17.760,00
Arrecadado
R$ 2.764,00

Vamos promover 5 dias de trabalho voluntário na Amazônia, junto á população ribeirinha, entre 20 e 27 de jullho, e precisamos levar material para o trabalho médico, e odontológico. Nossa meta é de 750 atendimentos dentários e 600 atendimentos médicos em 5 dias. Para tal, precisamos levar o material completo, em medicamentos e insumos para atendê-los de forma segura e qualificada.

Criada em
02/06/2018
Encerra em
09/07/2018

 

Olá! Meu nome é Silvana Oliveira e Silva, sou médica, formada desde 2005 pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, especialista em Geriatria, e sou membro Igreja Batista Jardim Icaraí. Quero compartilhar com você um desafio que Deus tem me dado em 2018.

     Pela terceira vez, partirei para a Amazônia, a fim de  fazer trabalho voluntário junto á população ribeirinha no Estado do Amazonas. Este trabalho tem envolvido minha comunidade de fé anualmente desde 2012.

            Quem são os ribeirinhos, esse povo brasileiro tão pouco conhecido pela maioria de nós?

Ribeirinhos não são índios. Não vivem em aldeias, não tem pajé.

Os ribeirinhos são populações caboclas, logo descendentes de brancos e indígenas, que vivem às margens da bacia do Rio Amazonas. Possuem organização cultural e social próprias. Gostam de ser chamados por esse nome. Ribeirinho não é lembrado por quase ninguém quase nunca. O poder público traz apenas vacina e urna eletrônica, na maioria esmagadora das vezes.

Na comunidade ribeirinha existe uma escola, uma igrejinha ( as vezes abandonada), a casa comunitária e um campinho de futebol. Não há vendinha, armazém, circulação de dinheiro. Vivem do que caçam, pescam, e do consumo de farinha de mandioca. Por vezes a comunidade se reúne e manda alguém pra vender farinha em Manaus, assim obtendo alguns reais para aquisição de algum bem.

Conhece a miséria? Ela habita por aquelas bandas. Sede e fome são constantes. Muita água na Amazônia? A água do rio não é potável. As doenças relacionadas ao consumo da água e falta

de nutrientes são comuns. Já não consomem frutas e vegetais da floresta como populações ancestrais.

E para lá vamos, amenizar suas dores, fazer o que pudermos. Por quê? Porque um Amor tão grande nos alcançou que transborda e precisamos passar para outros.

            Quando viajaremos?

            Partiremos rumo a Manaus e dali para Parintins, nossa base, em 20 de julho. Nosso retorno será em 27 do mesmo mês.

            Eu farei parte de um grupo que oferecerá atividades de promoção de saúde e atendimento médico aos ribeirinhos, durante 5 dias. Também teremos outras atividades em paralelo, com crianças e adultos. Acompanharemos a rotina da comunidade, doaremos chinelos, óculos de grau e de sol, bonés e materiais de pesca (anzóis, linhas de nylon...), também procuraremos por soluções para melhorar a qualidade de vida deles com uma alimentação melhor utilizando elementos regionais, cuidados com uso da água, etc.

          É um trabalho que mobiliza diretamente 50 pessoas, além de muitos voluntários indiretos, que nos apoiam operacional- financeira- e emocionalmente.   

            Nosso maior desafio, principalmente para nós na equipe de saúde, é levar material para o trabalho médico, que envolve medicamentos e insumos para cuidados e curativos. Encontramos pessoas que não recebem atendimento médico há muito tempo, diversos casos que demandam curativos, drenagem de lesões infectadas e outros procedimentos simples mas que envolvem insumos adequados. Pesaremos as crianças e avaliaremos seu crescimento, orientando as mães e fornecendo suplementos quando indicado (maioria das vezes).

             Teremos uma equipe de dentistas altamente qualificados, com equipamento apropriado para fazer atendimento com Restaurações, exodontia, periodontia e prótese. Nos anos anteriores fui testemunha ocular da diferença na vida das pessoas atendidas. Nossa meta é de 700 atendimentos odontológicos e 500 atendimentos médicos em 5 dias, amenizando sofrimento e produzindo vida abundante com excelência.  

                      Para auxiliar neste objetivo, estou montando esta campanha para coleta de valores a fim de cobrir nosso orçamento de medicamentos e insumos. Esta campanha está diretamente sob minha responsabilidade, e todo valor de nossa meta será revertido para possibilitar o atendimento médico e odontológico.

                           Pessoas interessadas em contribuir de outras formas, podem entrar em contato comigo por aqui

                        Todos os doadores receberão informações detalhadas do andamento da missão, diariamente, além de prestação de contas ao final do mesmo.

                        Desde já agradeço aos que nos ajudarem, de forma a possibilitar nosso atendimento com qualidade.

Novidades (10)

Silvana Oliveira e Silva publicou em 29 de Julho de 2018:

Esta é parte de nossa equipe de trabalho na missão, os da equipe de atendimento médico, atendimento odontológico, e fornecimento de óculos de leitura e sol. 

 

Muito obrigada e até a próxima!

Silvana Oliveira e Silva publicou em 29 de Julho de 2018:

Olá Amigos, 

Missão cumprida. 

Nosso trabalho iniciou no domingo passado e se encerrou na sexta-feira. Às 20h30 de 27 de julho embarcamos, 55 pessoas, de volta para Manaus e dali para o Rio de Janeiro. 

Foram ao longo da semana, 317 atendimentos médicos. 

Também tivemos por volta de 300 atendimentos odontológicos e mais de 500 procedimentos, durante todos esses dias, entre limpeza, aplicação de flúor, extrações, inserção de próteses. 

Tivemos várias dificuldades, como interferência de deslocamentos, chuva (passamos por umas 2 tempestades, uma delas ainda em transporte), procedimentos mais demorados, como drenagem de abscessos e confecção de próteses dentárias, montagem e desmontagem do local de trabalho (na escola, a sala de atendimento era usada para aulas à noite).. Algumas pessoas se deslocaram por muitas horas para chegar. 

Todos os atendidos tiveram acesso a seus medicamentos e orientações por farmacêuticos e uma enfermeira. 

Na área odontológica, a confecção de próteses parciais devolveu vários sorrisos. Emocionante!

O que conseguimos de doação de medicamentos e os valores na vauinha nos ajudaram muito. Somos gratos por isso. Muito gratos. E os ribeirinhos também o são. 

Já estamos aqui em equipe pensando nos desafios de 2019. Sim. Não dá para não pensar em voltar na próxima oportunidade. 

 

Mais uma vez, obrigada e que Deus os abençoe muito. 

Silvana Oliveira e Silva publicou em 29 de Julho de 2018:

Olá Amigos, 

Missão cumprida. 

Nosso trabalho iniciou no domingo passado e se encerrou na sexta-feira. Às 20h30 de 27 de julho embarcamos, 55 pessoas, de volta para Manaus e dali para o Rio de Janeiro. 

Foram ao longo da semana, 317 atendimentos médicos. 

Também tivemos por volta de 300 atendimentos odontológicos e mais de 500 procedimentos, durante todos esses dias, entre limpeza, aplicação de flúor, extrações, inserção de próteses. 

Tivemos várias dificuldades, como interferência de deslocamentos, chuva (passamos por umas 2 tempestades, uma delas ainda em transporte), procedimentos mais demorados, como drenagem de abscessos e confecção de próteses dentárias, montagem e desmontagem do local de trabalho (na escola, a sala de atendimento era usada para aulas à noite).. Algumas pessoas se deslocaram por muitas horas para chegar. 

Todos os atendidos tiveram acesso a seus medicamentos e orientações por farmacêuticos e uma enfermeira. 

Na área odontológica, a confecção de próteses parciais devolveu vários sorrisos. Emocionante!

O que conseguimos de doação de medicamentos e os valores na vauinha nos ajudaram muito. Somos gratos por isso. Muito gratos. E os ribeirinhos também o são. 

Já estamos aqui em equipe pensando nos desafios de 2019. Sim. Não dá para não pensar em voltar na próxima oportunidade. 

 

Mais uma vez, obrigada e que Deus os abençoe muito. 

Silvana Oliveira e Silva publicou em 21 de Julho de 2018:

Boa Tarde pessoal!

Estamos em Parintins!

Está um calor amazônico. Mais ainda, temos os corações queimando de expectativas. 

Os medicamentos estão sendo organizados. Trabalhamos a manhã inteira, início da tarde e ainda temos muito a fazer.

 

Muito obrigada  a todos. Vocês fazem parte disso!

Quando tiver tempo, retorno com mais informações. 

Abraços a todos

Silvana Oliveira e Silva publicou em 15 de Julho de 2018:

Queridos, 

 

  A vaquinha está encerrada. Agradecemos a todos que nos ajudaram. Os medicamentos já foram encomendados com este valor. 

  Na próxima sexta-feira, dia 20 de julho, pela manhã, estaremos voando para Manaus e de lá para Parintins. 

 

  Mais uma vez Obrigada, 

Silvana Oliveira e Silva publicou em 23 de Junho de 2018:

Queridos amigos doadores!!!!

 

   Esta semana realmente foi maravilhosa. Estamos muito felizes. 

   Já estamos com o orçamento fechado e faremos as encomendas com os recursos que já temos nos próximos dias. Falta muito de nossa meta, mas recebemos algumas doações em medicamentos. 

 

   Ainda falta muito, mas sabemos que faremos o que nos vier á mão. 

 

  Obrigada a todos pela força. Até novas notícias. 

Silvana Oliveira e Silva publicou em 13 de Junho de 2018:

QUERIDOS, 

   Estamos reduzindo custos, de forma que as doações sejam utilizadas da melhor forma possível. Compraremos os medicamentos a preço justo, para ajudar o máximo de pessoas!

  Tivemos muitas doações nesta semana, já passamos 5% da meta, mas a estrada ainda é longa. Obrigada a todos os doadores!

Silvana Oliveira e Silva publicou em 11 de Junho de 2018:

AMIGOS, 

   Recebemos algumas doações fora da vaquinha, que nos permitiram reduzir a meta aqui no site. Estamos esperançosos de que alcançaremos nossa meta. Também reduzimos custo de alguns medicamentos que precisamos. 

 

  Vamos conseguir!

Quem ajudou (23)

  • João Guilherme Masculino Oliveira
    em 10 de Julho de 2018

  • Pedro de Almeida
    em 04 de Julho de 2018

  • Matheus Henrique Lapchenski
    em 03 de Julho de 2018

  • Claudia de Abreu Costa
    em 22 de Junho de 2018

  • Juliana Lago
    em 21 de Junho de 2018

  • anônimo
    em 21 de Junho de 2018 diz: Parabéns pela iniciativa desse trabalho na Amazonia.

  • ALINE SARAIVA DA SILVA CORREIA
    em 21 de Junho de 2018

  • anônimo
    em 21 de Junho de 2018

Denuncie

É necessário estar identificado para fazer uma denúncia. Registre-se ou faça login.

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.