Vaquinha / Outros / Dinheiro

Marcos Guerreiro

ID da vaquinha: 181426
Marcos Guerreiro
COMPARTILHE ESTA VAQUINHA
URL copiada!
9%
Arrecadado
R$ 19.514,00
de
Meta
R$ 213.200,00
Apoiadores
363
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens

  O Marcos Silva de Oliveira, Itabirano de 29 anos, foi diagnosticado com Leucemia Primielóide Aguda (LPA) em 2015. Desde então ele vem lutando contra a doença, tendo já feito 4 sessões de quimioterapia que não foram suficientes para a cura. Agora ele está dependendo de um transplante de medula para tentar se livrar da leucemia definitivamente. Já foi, inclusive, encontrado um doador de medula 100% compatível, porém, para poder se submeter ao transplante, o Marcos precisa de fazer mais uma sessão de quimioterapia com a utilização do medicamento Trisenox (Trióxido de Arsênio) para baixar a contagem de células doentes. O problema é que essa droga não é fabricada no Brasil e em 04 de abril deste ano, quando o Marcos já havia iniciado a quimioterapia com ela, fomos comunicados que os lotes do medicamento disponíveis para uso no país foram suspensos após verificação de contaminação microbiológica. O Marcos teve que interromper a sessão na 14° dose das 60 necessárias. Tentou-se uma sessão alternativa com outras drogas, mas não teve os resultados necessários. Agora, a única opção agora é recorrer a importação do Arsênio diretamente da europa, mas nesse caso o plano de saúde não cobre e o custo orçado é de R$213.300,00. Por isso, contamos com a solidariedade de todos para nos  ajudar a arrecadar essa quantia. A sua ajuda pois corremos contra o tempo. A cada dia a doença avança e o estado do Marcos se torna mais delicado. Desde já agradecemos e desejamos que Deus retribua a sua ação.

 

Dados para depósito:

Banco Bradesco 

Marcos Silva de Oliveira

Agência: 1685

Conta Poupança1003817-0

CPF 093.283.476-02

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.

Todos os direitos reservados. 2022