Vaquinha / Outros / Dinheiro

João no Canadá

ID da vaquinha: 137969
João no Canadá
URL copiada!
18%
Arrecadado
R$ 2.305,00
de
Meta
R$ 13.000,00
Apoiadores
24
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens
Bom se quiser saber mais um pouquinho da minha história:  Meu nome completo é João Pedro Araújo de Medeiros, tenho 15 anos, curso o segundo ano do ensino médio, e atualmente estudo no colégio Embraer Juarez Wanderley,  o qual é fruto do instituto da empresa de aviação Embraer, o colégio atual em que estudo é voltado para pessoas de baixa renda as quais não podem arcar com um ensino de qualidade, o colégio abre todo ano um processo seletivo o qual premia estudantes com cerca de 200 bolsas para ingressas na instituição, além de tudo o colégio possui uma das melhores médias no ENEM de todo Brasil, e localiza-se   em São José dos Campos-SP, e eu resido em Taubaté-SP.Foto do colégio atual em que estudo como bolsista 100%:Imagem relacionada Tenho uma rotina diária de estudos de dez horas diárias, com dez aulas, fora a carga horário que gasto na condução do translado entre as cidades, a qual é fornecida pela escola, juntamente com os materiais, uniformes, e alimentação.  Desde de pequeno, sempre sonhei em desbravar o mundo, viajar, não me fixar, descobrir e aprender um pouco mais, sobre cada cultura, cada etnia ao redor do mundo.Meus pais eram comerciantes, os quais tiveram cerca de três comércios, porém todos estes três faliram devido á dívidas acumuladas nos anos de funcionamento. Devido á tais problemas, me ví em situações totalmente desconsertadas na vida de uma criança normal de 3 anos, passando por mudanças e mais mudanças, estas tais contabilizaram cerca de quatro mudanças ao redor do país, de norte á sul, de leste á oeste, em um dia eu estava dormindo no aconchego de minha cama em São Paulo, e no seguinte estava no Nordeste do País na casa dos meus tios, para novamente após outro falimento, me mudar para o Sul do país e recomeçar uma nova vida, uma nova maneira de lhe dar com os fatos.Após a terceira falência, retornei á minha cidade de origem Taubaté-São Paulo. Chegando aqui cursei um ótimo ensino infantil em uma escola pública que localizava-se no bairro em que eu morava, no momento em que cheguei minha família passava por grandes dificuldades, mas o meu desejo e minha fome por conhecimento só aumentava ao passo que vivia toda esta situação, com oito anos decidi começar a cursar um cursinho de inglês em uma escola de idiomas aqui da cidade, mas como eu havia recém chegado, e os meus pais não possuíam condições de arcar com os custos de tal curso.Tracei metas e objetivos para o ingresso nesta instituição. Decidi então, começar á vender bombons trufados com a ajuda de uma prima minha para conseguir custear os custos do ensino de tal língua, feito isso, ingressei no curso e passei á custear com o dinheiro arrecadado com as vendas dos bombons o custo das mensalidades. Passado-se alguns anos de vendas, fui proibido de fazer a venda de tais bombons no colégio, e como o meu desempenho no curso era um dos melhores da turma, fui premiado com uma bolsa de estudos, a qual me isentava das mensalidades e me permitiu concluir parte do curso sem custo algum.Depois de quatro anos estabelecido em minha cidade natal, então com a idade de 12 anos, tive que mudar de bairro devido á uma mudança de casa oportunista para a minha situação. No novo bairro, o qual eu não conhecia ninguém, surgiu novamente um novo processo de adaptação, nova vizinhança, novos amigos, e nova escola. Mudei-me para uma escola, que apesar de professores incríveis e com paixão por educar, possuía uma péssima estrutura material, ocasionada pela falta de verbas e má administração, além de que a presença na sala de aula de pessoas que lidavam com vendas de drogas ilícitas dentro do próprio ambiente escolar o qual dificultava a minha noção e  noção dos meus colegas de aprendizado, em um ambiente que qualificasse o ensino em nossas vidas. Inconformado com tal situação, criei uma página no Facebook, denominada "Diário de Classe", a qual visava evidenciar as más condições do colégio. Com o aumento da popularidade da página, uma produtora do programa jornalistico "Fantástico" da TV Globo entrou em contato comigo, e marcou uma entrevista com a rede de televisão regional (TV VANGUARDA). Após exibição da reportagem, alguns defeitos da escola foram consertados, e reformas foram feitas para a melhoria do ambiente escola, mas mesmo assim recebi ameaças, e fui proibido de fotografar as dependências da escola, e ainda ameaçado por alguns alunos que não eram de acordo com a criação e a reclamação dos nossos direitos como estudantes por tal página, ocasionando na minha transferência de escola, e iniciando novamente um novo ciclo de metas e adaptações.A reportagem foi exibida em 2012 pela TV Regional e postada no site de notícias G1, porém esta foi deletada com a atualização do site de noticias que ocorreu em 2013. Foto tirada por mim em 2012 e postada na página "Diário de Classe", a qual mostrava a situação do banheiro de deficientes com infiltração e sem acessibilidade á quem precisava:Resultado de imagem para Dirio de Classe da EMIEF Marisa Lapido BarbosaApesar de todas as tribulações, e dificuldades, com a ajuda de amigos, e o apoio da minha família o meu sonho de estudar fora persistiu. Então segui traçando metas e objetivos para alcançar. Desde do ano passado venho então travando essa luta comigo mesmo, e aplicando para vários Summers Programs, e escolas ao redor do mundo. Fiquei na lista de espera do programa de verão de uma das maiores e mais renomadas universidades do mundo, a Yale, também fui finalista do programa de mentoria e assistência da EducationUSA (programa da embaixada dos EUA aqui no Brasil) chamado Oportunidades Acadêmicas, todos estes não's ou quase sim's não me fizeram desistir.  Decidi então usar estas decepções como alavancas pessoais, as quais me fariam ir mais longe, e para isso era só preciso ter fé. Foi aí que de fato minha jornada começou, peguei temas de ensaios (essays) em inglês e os desenvolvi, meus boletins, os quais têm uma média boa durante todos os meus anos escolares (Ficando em terceiro lugar na classificação de notas para uma reconhecida escola pública na minha cidade, competindo com cerca de 5000 alunos no Nono Ano), entre outros meios apelativos, e enviei e-mails para várias escolas, dentre essas fui aprovado em 3, a William Academy em Toronto no Canadá com 95%, na Wasatch Academy em Utah EUA com uma quantidade substancial, e na J. Addison School em Markham Ontário também no Canadá, com 100% de bolsa (bolsa de estudos integral, ou seja sem taxas, ou mensalidades pelo ensino) no valor de cerda de vinte mil dólares, (esta bolsa equivale é pertinente á dois anos cursados do ensino médio, no caso ficarei de 2017-2019 no Canadá), como esta última foi a que mais me deu opções, e condições para cursar o restante do ensino médio com acomodação, refeições, e mensalidades gratuitas, foi por esta que optei para realizar meu sonho. Creio que sonhar grande nunca é demais, principalmente quando se tem garra e determinação. Carrego sempre comigo em minha mente que NADA É IMPOSSÍVEL. Porém para a realização deste, há cerca de várias taxas que o pagamento é necessário, as quais especificarei mais abaixo.  Para quem quiser saber um pouco mais do meu Currículo Acadêmico:  Em 2015 enfrentei um processo seletivo para entrar no colégio onde estou com cerca de 6000 alunos para apenas 200 vagas, fui medalhista de prata na Olimpíada Brasileira de Astronomia em 2015, entre outras participações e menções ganhas, faço parte do preparatório  pré universitário na área de Humanas no meu colégio, no qual tenho aulas de ética e funcionamento do estado, gestão de pessoas, participação no jornal do corpo estudantil entre outras atividades. Em 2016 descobri minha paixão por Simulações da ONU, as quais têm o objetivo de promover debates  diplomáticos simulados no modelo da ONU, acerca dos problemas mundiais, pelo desempenho obtido em minha primeira simulação fui nomeado diretor do comitê da Corte Internacional de Justiça a qual irei presidir esse ano.  (Foto minha como delegado no comitê que simulava o julgamento do réu e ex-presidente Fernando Collor de Mello, o qual sofreu um impeachment na décade de 90) Se quiser saber mais sobre mim me mande um e-mail: joaoamedeiros15@gmail.com, ficarei feliz em te informar sobre o meu sonho. Deixo aqui, o meu muito obrigado :) Agradeço a atenção de quem leu até aqui, e se quiser doar, qualquer quantia é bem vinda. Os gastos que terei fora a passagem, visto e passaporte serão: (em dólar canadense)Seguro Médico(É necessário e exigido pelo colégio já que na localidade não há hospitais públicos): $650 Uniforme (O uniforme da J. Addison é composto por terno, gravata, calça e sapato social): $400Gastos com material(Livros demandados pelo colégio entre outros): $300Custódia Anual (Este valor é equivalente ao cobrado pela escola para que posso ser a tutora do aluno durante a estadia no colégio): $800Calção para danos no dormitório (Caso haja algum dano em alguma parte do dormitório em que irei ficar, este dinheiro servirá como pagamento das possíveis despesas): $600Gastos suplementares exigidos pelo Colégio (passeios, lavagem de roupas, compra de notebook de marca exigida entre outros): $2200Taxa de matricula: $200,00Totalizando o total de: $5.200 dólares canadenses. (cotação cambial do dia 14/04/2017)
AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.

Todos os direitos reservados. 2021