Cover 12208609 934436919957577 2902400335008550339 n
Thumb mvf152 04255

Vakinha de
Laís Poersch
Feliz/RS

Cura da Lali! :D

Objetivo
R$ 150.000
Arrecadado
R$ 130.872,92

Diagnosticada com Adenocarcinoma de intestino delgado aos 24 anos, preciso da ajuda de vocês para conseguir minha única chance de cura!!

Criada em
16/06/2016
Encerra em
20/07/2016

Aos 24 anos, prestes a cursar o último semestre de medicina veterinária, recebi a notícia que ninguém quer receber. Fui diagnosticada com Adenocarcinoma de Intestino Delgado, um tumor raro que acomete a primeira porção do intestino. Após a primeira cirurgia, para retirada do tumor primário, foi determinado que o tumor já estava no grau IV e havia se espalhado para o mesentério e peritônio. O tratamento seguiu-se com 11 sessões de quimioterapia, interrompidas precocemente devido à toxicidade. As tomografias e exames sequentes não mostraram metástases em nenhum órgão, mas foi preciso realizar uma biópsia no abdômen para garantir que todas as células tumorais haviam desaparecido. Mas não desapareceram. Os pequenos nódulos do peritônio persistiam, visto que a quimioterapia convencional não consegue chegar até lá pela falta de vasos.  Por falta de estudos desse tipo de tumor, a minha opção seria seguir a quimioterapia intensa para tentar controlar a disseminação desse tumor, sem chance de cura. Entretanto, meus médicos tem uma proposta. Realizar uma cirurgia relativamente nova que poderia me trazer a cura ou pelo menos algum tempo sem quimioterapia. A técnica é a citorredução associada à quimioterapia intraperitoneal hipertérmica, um procedimento de 12 horas, onde serão removidas partes do peritônio acometidas e órgãos ou parte deles, incluindo ovários e intestino, seguida de quimioterapia em temperatura elevada aplicada diretamente no abdômen e muitos, muitos dias de internação.  Felizmente, até agora não tive gastos exacerbados com o tratamento, que foi em grande parte coberto pelo plano de saúde. Mas, se tratando de uma técnica nova e altamente complexa, ela não está registrada na ANS – Agência Nacional de Saúde, não sendo oferecida por nenhum plano de saúde ou pelo SUS. Todo o procedimento custaria R$ 150.000,00, com algum desconto de materiais e diárias cobertas pelo plano de saúde. Como muitos amigos já me disseram que querem ajudar, resolvi fazer uma vaquinha e o vakinha.com.br facilita bastante esse processo pois aceita cartões de crédito parcelado e até boleto! Se você não puder ajudar com dinheiro, compartilhem e mandem pensamentos positivos!!!!! Muito obrigada a cada um de vocês pelo apoio!! Abraços, Laís

Novidades (0)

Quem ajudou (1829)

  • Roselívia da Rosa
    em 05 de Agosto de 2016

  • Matias Artur Klafke Schimuneck
    em 04 de Agosto de 2016

  • Samantha
    em 01 de Agosto de 2016 diz: Eu não te conheço pessoalmente, mas desejo muito que tua luta tenha um desfecho maravilhoso logo logo <3 Que Deus e todos os guias te iluminem e te dê força para vencer e seguir a vida sorrindo sempre! Beijo!

  • Bruna D. K. Formenton
    em 31 de Julho de 2016

  • Nilva inês Bruxel
    em 26 de Julho de 2016

  • Thales Furian
    em 25 de Julho de 2016

  • Karen Borges
    em 25 de Julho de 2016

  • miguel pinto
    em 19 de Julho de 2016

Contato

Envie uma mensagem diretamente para o dono desta Vakinha.





Denuncie

Iremos verificar sua denúncia e entrar em contato com o dono da Vakinha.