CHEGA JUNTO (Apoio a educadores periféricos) | Vaquinhas online
Educação / Formatura / Cursos

CHEGA JUNTO (Apoio a educadores periféricos)

ID da vaquinha: 1099900
CHEGA JUNTO (Apoio a educadores periféricos)
Coletivo É BOM DE VER, CIDADE.
São Paulo / SP
53%
Arrecadado
R$ 3.165,00
de
Meta
R$ 6.000,00
Apoiadores
0
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens

Você acredita que uma educação libertadora pode mudar o mundo? A gente acredita!

Nós somos o coletivo “É bom de ver, cidade”. Um grupo horizontal formado por seis jovens, onde a diversidade, além de estar no nome, está em nossos experiências de vida enquanto negros, amarelos, LGBTQI+ e sobretudo periféricos. Engajados nas nossas quebradas, da Zona Leste à Zona Norte, desde pivetes cada uma de nós promove encontros e a transformação social. Já enquanto coletivo a gente se conecta no profundo desejo de cocriar e acessibilizar o conhecimento e a prática de alternativas de vida mais conectadas com a essência de cada pessoa com ela mesma, com a comunidade e com a cidade como um todo.

O coletivo surgiu em 2017 com a intenção de incentivar jovens a assumir o protagonismo no papel de cidadãos ativos, propondo a transformação em suas próprias comunidades através de jogos, métodos ágeis de educação e do aprendizado autodirigido. Desde então desenvolvemos ações que conectam pessoas a mentores e entre elas mesmas, criando espaço e condições pra que as mais variadas ideias possam se tornar realidade. Acreditamos que essa companhia é primordial, principalmente, em tempos de isolamento social e que juntes podemos construir ambientes mais justos, equitativos, conscientes economicamente, ambientalmente, culturalmente e socialmente.

É comum ouvir que existem muros que separam a periferia do resto da cidade. Falar de acessibilidade é mais complexo do que se imagina, e exige encarar assuntos como pertencimento e empoderamento, além da intersecção deles em nossas vivências. Acreditamos que uma cidade, para ser "Boa de Ver", precisa ser construída com diversidade isso só é possível quando existem condições que sustentam o diverso. Queremos ver nascer essa cidade do futuro e para isso criamos metodologias, materiais e estratégias que democratizam o acesso ao território, ao empoderamento e conhecimento de como ocupar o que temos para, através da educação libertadora e autônoma, agir no mundo criando a cidade que queremos. Nós abrimos caminhos para o futuro, traduzindo ferramentas de impacto para a periferia, como também gerando diálogo da ponte pra lá, através de mídias que tornem o conhecimento mais atraente e acessível. 

Para abrir esse caminho produzimos eventos e cursos gamificados, histórias em quadrinhos, ilustrações,facilitações gráficas, jogos e plataformas digitais usando como base a permacultura, gestão de projetos, alternativas da educação, etc. Foi assim que em 2019 realizamos uma jornada experimental de aprendizagem com um grupo de adolescentes da Cidade Líder, ZL de SP. Aquele era um protótipo, o primeiro passo para que surgissem espaços livres para jovens criarem a cidade do futuro a partir de seus projetos. E em Abril de 2020 iniciaríamos a segunda fase desse projeto! Interessadas em ampliar nosso diálogo para cada vez mais jovens das quebradas, fechamos algumas parcerias para produzir e lançar a UniverCidade Fluxo, um espaço de aprendizagem autodirigida que iria apoiar os projetos de educação de cerca de 20 adolescentes em São Miguel. Seria nosso primeiro espaço livre para criativos e agentes de transformação social.

No meio do caminho, porém, todo mundo foi surpreendido com a pandemia que acabou adiando diversas ideias e ações, inclusive a nossa que estava em fase de desenvolvimento. O problema é que esse projeto era a fonte de sustento dos jovens do coletivo, a gente contava com os apoios e parcerias para nos manter por esses meses. No começo nos organizamos com o caixa coletivo, no entanto está cada vez mais inviável pensar ações para a população em vulnerabilidade social quando também fazemos parte dela. 

Essa Vakinha é um pedido de apoio para nos mantermos criando. A gente acredita na descolonização da educação, na prática conjunta do acesso à autonomia e à autodireção e ainda na criação de redes de autocuidado. A gente acredita que essas ações e propostas podem apoiar que a diversidade crie um mundo mais justo, mas precisamos de ajuda para fazer isso acontecer. 

-Apoie a gente a criar um percurso de educação libertadora para a periferia!

*O valor pedido (6.000) apoia os seis membros do coletivo por dois meses (Junho e Julho) para que possamos criar e compartilhar com as pessoas:

-Uma agenda de experimentos de autocuidado (PDF livre);

-Uma agenda de projeto de aprendizagem autodirigida (PDF livre);

-Uma história em quadrinhos com o storytelling da Jornada Fluxo (PDF livre);

-O desenvolvimento da gamificação e proposta pedagógica da Jornada Fluxo;

-A identidade visual e toda a estética da Jornada Fluxo;

-A criação das ferramentas da Jornada (Peças da gamificação, peças de apoio);

Quando a pandemia acabar a Jornada Fluxo será realizada abrindo vagas para jovens de São Miguel (ZL de SP). Mas durante a quarentena pretendemos realizar pequenas jornadas de aprendizagem online com inscrições abertas para todo o público, além de papos abertos sobre nossas experiências.

Esse é o nosso convite: Faça parte da criação dum futuro diverso. Fomente a educação nas periferias!

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.
Elementos SVG

Curta e compartilhe nossa página no Facebook

Todos os direitos reservados. 2020