SOS ENCHENTES! Ajude cidades gaúchas atingidas pelas chuvas: Doe agora mesmo
Vaquinha / Outros / Dinheiro

GAR Grupo Anjos das ruas - Projeto Kombi

ID: 434124
GAR Grupo Anjos das ruas - Projeto Kombi
0 coração recebido
COMPARTILHE ESTA VAQUINHA
8%
Arrecadado
R$ 3.300,00
de
Meta
R$ 40.000,00
Apoiadores
30
Sobre
Novidades0
Quem ajudou
Vaquinha criada em: 28/12/2018

GRUPO ANJOS DAS RUAS

O grupo começou com alguns amigos que se reuniram para levar pães e leite com café e roupas aos irmãos de rua. Esta equipe foi desfeita pois alguns membros queriam ir esporadicamente. Foi então que a Lourdes com seu esposo Robson decidiram continuar junto com seu carro veloz. Eles mesmos compravam os pães e o leite e colocavam gasolina no carro e iam... mais ai começou a ficar pesado, mas eles não queriam desistir. O pessoal da rua precisavam de carinho e atenção de alguém que pudesse orientar e direcioná-los. Alguns amigos ficaram sabendo das nossas ações e começaram também ir para a rua. Cada dia o proposito era maior. Era servido pães, chocolate quente e café. Em meio a isto conversávamos com irmãos (moradores de rua), para tentar entender suas histórias e o porquê eles estavam na rua. Mais pessoas começaram a participar e começamos a ir todos os sábados. Depois passamos ir todos domingos, foi quando conhecemos outros grupos que também ajudavam irmãos em situação de rua, foi quando começamos a fazer um revezamento passamos a ir um domingo sim e um não. A Lourdes teve um irmão dependente químico seu amado Raphael, que partiu. Por isso ela tem uma sensibilidade incrível de entender que o dependente químico realmente precisa. A mãe da Lourdes, Dona Maria Odete Lau de Lima e seu pai Ismael Pereira de Lima eram bem conhecidos no bairro e sempre ajudavam muito a todos mesmo sendo uma família simples, acho que foi dai que a Lourdes desenvolveu este espírito solidário. Certa vez fizemos um questionário sobre o que eles estavam com vontade de comer. ( Os moradores de rua) Foi uma surpresa dá tamanha simplicidade a moradora de rua Débora estava com vontade de comer salada de beterraba. Teve morador que queria comer arroz, feijão, ovo frito e bife. Teve um que queria comer vaca atolada. Assim fomos tentando ajuda a cada um.

O grupo foi crescendo e as necessidade também e com a ajuda de todos do grupo conseguimos comprar um fogão industrial, uma geladeira usada, temos apenas uma panela grande e as outras pedimos emprestadas aos membros do grupo. Com a ajuda das doações dos mesmos compramos os itens que faltam. Hoje temos famílias que recebem cestas básicas, montamos kits maternidade para mãezinhas grávidas, distribuímos cobertores, roupas e kit higiene. Encaminhamos os irmão para casa de recuperação e cuidamos deles com visitas e com tudo que eles precisam. Conseguimos tirar um casal que morava na rua agora já tem sua casa. O homem trabalha com reciclagem, seu sonho era ter um carro para trabalhar com reciclagem. Antes entregamos somente pães e agora estamos fazendo sopa graças a ajuda dos amigos que doam legumes e a carne para a sopa. A Lu é muito exigente com isso pede para fazer a sopa com muito carinho e todos devem experimentar da sopa pois devemos comer aquilo que servimos e devemos servir com a amor.

Hoje temos alguns projetos profissionais solidários. Procurar profissionais que possuam doar seu trabalho em prol de um irmão necessitado manicure, cabeleireiro e etc. Carona Solidário – Pessoas com carro que possam doar um dia para nos acompanhar na missão. Costura do bem – Pessoas que possam costurar a roupa para passarmos a doar em bom estado aos irmãos. Projeto Cegonha – Recebemos doações de tudo que se refere a bebês, para montarmos kits maternidade para mãezinha.

Festa de rua – Comemoramos o aniversario dos nossos irmão de rua levando bolo e bexigas. Cine Solidário – Lavamos cinema e brincadeiras para os abrigos e casas.

Hoje não apenas servimos comida, queremos que eles saiam desta situação de rua. Somos anjos das ruas, cuidamos, nos doamos e acreditamos no potencial do ser humano.

"Hoje temos dois anos de missão, a equipe é comprometida, pessoas que se doam, que vão as ruas servir o irmão com AMOR. Graças a eles que nosso projeto foi para frente. Hoje conseguimos fazer muitas coisas que estavam pesadas somente para nós. Vivemos de doações. Tudo que temos ganhamos e passamos aos irmãos. Nosso sonho: conseguir um transporte que possa entregar e receber doações." 

Robson marido do Lourdes

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.
© 2024 - Todos direitos reservados