Volta Hira Hush

ID da vaquinha: 21464
Volta Hira Hush
Você não possui corações!
Clique aqui para comprar.
0 coração recebido
COMPARTILHE ESTA VAQUINHA
URL copiada!
0%
Arrecadado
R$ 0,00
de
Meta
R$ 2.000,00
Apoiadores
0
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens
NÃO FOI MAUS TRATOS E SIM FATALIDADE!Ganhei a Hira dos meus pais em 2009, mais até eu ganhar ela tive que esperar por muito tempo, fui conhecer os pais da Hira, Rachico e Rihanna os dois legítimos da raça Chow Chow, conheci a criadora dos mesmos, bom a partir dai começou uma espera que parecia não acabar mais, esperei a Rihanna entrar no cio, cruzar e depois vê se iria dar certo e ela iria engravidar, por sorte deu, então esperei mais um tempo até os filhotes nascer e só então depois do nascimento dia 13/05/2009 e que se passaram 28 dias a Hira chegou em casa exatamente no dia 10/06/2009.Depois que ela chegou em casa foi só festa, nunca a tratei como uma cachorra qualquer a hira sempre foi e sempre vai ser minha filha, minha bebêzinha, na época não trabalhava era apenas uma estudante, então quem tomava conta dos gastos da hira era meu pai, quem comprava as rações,banhos, veterinários, na época ganhava dinheiro para o lanche da escola onde varias vezes deixei de comer para comprar bolinhas e brinquedinhos para hira, quando acabei a escola e fui trabalhar, meu salario era meu e da hira, era banho de 15 em 15 dias, era presentes (bolinhas,biscoitinhos,bolachinha, bichinhos) praticamente todos os dias.A maioria dos momentos da Hira fazia questão de registrar, fotografava praticamente tudo, primeiro banho, primeira arte, sabe bem aquele negocio de mãe mesmo.O tempo passou, mudamos de casa nesse período por algumas vezes, sempre a primeira coisa que falava que a casa tinha que ter um abrigo (frente da casa) grande e aberto porque a hira gosta de ver a rua, e assim meu pedido foi atendido todas as vezes, em 2012 meu pai recebeu uma proposta de trabalhar numa empresa em São Jose do rio preto, a empresa chamava Marq Labor industria e comercio, eu meu pai e minha mãe mudamos para cidade e assim levei a Hira comigo, que por sua vez por causa da mudança de clima, o stress de mudança e tudo mais perdeu grande parte do seu pelo, ficamos por volta de um ano mais ou menos na cidade, eu e minha mãe voltamos para nossa cidade Piracicaba e mais uma vez trouce a hira,porque eu não me desgrudava dela, aonde eu ia ela ia,logo depois de uns meses meus pais se separaram, isso afetou todos nós principalmente a mim que era muito apegada ao meu pai, e me vi praticamente sozinha,quem eu tinha era apenas a hira,meu pai desde então mora em São José do Rio Preto, nesse tempo tumultuado de separação a hira veio a ter um câncer na pata, no ligamento de um dos dedos, o emocional dela ficou abalado também e isso pode ter sido a causa desse câncer, já que a hira na época era nova e estava com a saúde em dia, foi necessário o amputamento do dedo que estava infectado para que não subisse para a pata ou braço da mesma, podendo também levar a amputação, nesse período estava trabalhando paguei praticamente todo o tratamentos, remédios, cirurgia etc porém a medicação via oral eu não estava conseguindo medica-la, então dia sim e dia não antes de ir trabalhar levava ela no consultório tomar o medicamento por aplicação, foi uns meses tumultuado, e que passamos por tudo isso juntas, hira graças a Deus ficou bem, um pouco antes da cirurgia a hira não queria mais comer a ração pedigre que comia desde filhote, precisei dar todas as rações de um pet shop até ela comer uma das melhores, premier e desde então ela só come essa ração, passado um tempo perdi o emprego em piracicaba, então a solução que encontrei era ir pra Rio Preto tentar algo por ai, conversei com meu pai e voltei a morar com ele e a esposa, e claro que a hira foi comigo, não podia deixar minha filha pra trás,antes de ir comprei um saco de ração a hira, ao chegar ai fui atras de trabalho mas não consegui, fiquei praticamente 3 meses sem dinheiro, nesse meio tempo por falta de dinheiro dei banho na hira em casa mesmo, sequei ela com o secador enfim, ficou linda e cheirosa, mas ao ver que o saco de ração estava acabando, e ela não come outra e não come comida também, resolvi voltar pra Piracicaba porque querendo ou não, sempre faço alguma coisinha e sempre fico com dinheiro, ao voltar, fiz um aniversario de 15 anos como bartender, que por sinal era a festa da minha prima, então ganhei duzentos reais o qual peguei 150 e no dia 10/04/2015 depositei ao meu pai para comprar a ração da hira, então já estava mais tranquila pois a ração da hira estava comprada.Para não ficar mudando com a hira resolvir deixar ela na casa do meu pai ate eu consegui um emprego fixo e me estabilizar, ate mesmo porque sabia que ela estava bem na casa do meu pai, só que ja vinhamos conversando e combinando do meu pai trazer a hira pra ca principalmente pq depois que vim embora o pelo dela começou a cair, mas na semana que meu pai iria consegui vir pra cidade e trazer a hira o mesmo foi preso por não pagar pensao, entao eu não tinha condições de ir busca-la, a Regina esposa de meu pai me informou que os restante do pelo da hira estava caindo depois q meu pai foi embora, pedi para ela ver com o veterinario ao lado o que poderia ser ele disse que era fungos, passou uma receita de um medicamento para dar banho nela e um outro para colocar na agua, ja estava registrada nesse periodo mas como fui registrada dia 1/07 so iria receber no vale entao peguei o dinheiro que tinha no momento que daria pro banho c o medicamento e disse que o medicamento d por na agua daria no dia 20 quando iria receber o vale, só que como a hira toda a vida dela eu acompanhava ela nos banhos aconteceu q foi duas vezes tomar banho e nao conseguiram dar o banho nela, combinei então que como na semana do dia 20 era minha folga domingo e segunda iria pra Rio Preto pra ir com ela tomar banho e comprar os medicamentos q faltaria ate dar um jeito de ir buscar ela de vez, so que nesse meio tempo acho que de uma ou duas semanas no maximo esperando denunciaram de maus tratos, porque na verdade ela estava mesmo quase sem.pelo, suja pelo fato de nao conseguirem dar o banho nela, mais tudo isso foi uma fatalidade porque eu JAMAIS, NUNCA fui a favor de maus tratos aos animais, desde entao a hira esta em uma clinica onde a mesma está esperando para saber qual será seu destino e eu estou inconformada com tudo isso, tentei fazer o acordo junto a policia ambiental de rio preto mas se aceitase o acordo da multa de maus tratos aos animais perderia de vez minha bb e não é isso que quero, quero ela de volta, então agora apareceu uma luz no fim do tunel, para pegar a hira preciso arcar com R$ 1.500 reais para a clinica onde ela esta,e mais as parcelas da multa de maus tratos eu NÃO TENHO esse dinheiro entao venho por meio desta mensagem pedir a ajuda de vocês meus amigos, para me ajudar compartilhe esse post, pois não foi MAUS TRATOS e sim FATALIDADE da vida!
AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.

Todos os direitos reservados. 2022