Pessoas / Saúde / Caridade

Vaquinha Solidária para comprar uma prótese de perna para o Igor

ID da vaquinha: 2137344
Vaquinha Solidária para comprar uma prótese de perna para o Igor
Você não possui corações!
Clique aqui para comprar.
0 coração recebido
COMPARTILHE ESTA VAQUINHA
URL copiada!
18%
Arrecadado
R$ 7.025,00
de
Meta
R$ 40.000,00
Apoiadores
89
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Corações Recebidos
  • Mensagens

A minha virada de ano não saiu como eu esperava, no dia 31 de dezembro de 2020 eu não pude festejar com minha família e amigos próximos. Eu sofri um acidente onde perdi parte de minha perna e agora recorro a todos aqueles que possam me ajudar para conseguir minha prótese e consegui mais uma vez continuar batalhando pelos meus objetivos e continuar caminhando.

Oi, me chamo Igor e tenho 24 anos de idade.

Sofri um acidente a pouco tempo atrás do qual eu passei por 3 cirurgias. A primeira cirurgia, os médicos tentaram colocar um fixador externo na minha perna esquerda, foi muito difícil para conseguirem tirar o raio x, pois eu acordei atordoado, lembro que eu tentei ficar em pé com todos aqueles ferros fixado na minha perna... Depois de eu ter agonizado de dores, consegui me acalmar quando vi a minha prima segurando a minha mão. Após alguns exames e estabilizado porque estava perdendo muito sangue, eu fui transferido para outro hospital, lembro quando eu estava sendo transferido, eu chorava de dores o caminho todo e meu peito se enchia de desespero... Chegando nesse hospital, tive que realizar mais uma cirurgia na minha perna, essa segunda cirurgia foi realizada para minha perna voltar a receber meus comandos e o sangue voltar a circular, mas após a cirurgia, a minha perna não estava respondendo aos meus comandos, por mais que eu tentasse mexer meu pé, panturrilha e os meus dedos, eu conseguia mexer exatamente NADA e isso causava uma frustração gigantesca dentro de mim. Acabei voltando dessa minha segunda cirurgia, muito abalado e praticamente sem esperanças. Lembro perfeitamente do meu cirurgião vindo até a mim, me pedindo para tentar mexer qualquer coisa que seja e novamente eu não sentia ou muito menos conseguia mexer alguma coisa, a única coisa que eu sentia era as minhas lágrimas de desespero, agonia e medo descendo pelo meu rosto. Eu só pedia a Deus para que ele me ajudasse a mexer a minha perna a todo custo, mas em vão. O Doutor começou a conversar comigo e disse que não poderia esperar mais, o sangue não voltara a circular, minha coordenação motora foi seriamente comprometida, e por conta das medicações meus rins poderiam acabar sendo afetados e entre outras complicações serem geradas se caso esperasse mais, foi então que ele disse que iria fazer MAIS uma cirurgia para tentar resolver o problema, caso contrário, a solução seria então eliminar o membro acidentado de vez.

 E lá fui eu para minha terceira cirurgia em menos de 5 dias, a caminho da sala de cirurgia eu só rezava pedindo para Deus me dar forças caso o doutor não conseguisse fazer mais nada, e tivesse que optar em amputar a minha perna esquerda. Quando eu acordei depois de algumas horas eu não tive coragem de levantar o lençol de imediato, mas respirei fundo, levantei o lençol para ver qual seria meu destino e lá estava os meus 56 pontos no meu lindo coto, foi a pior sensação do mundo quando eu olhei e não vi minha perna esquerda no seu devido lugar... foi o pior susto da minha vida, fiquei sem reação durante dias. 

Eu Não conseguia dormir e nem comer, apenas sentia dor e essa dor me corroía de dentro pra fora de uma maneira surreal... Acabei tento uma crise de pânico e ansiedade extrema, quis desesperadamente ir embora do hospital, um dia lá parecia um mês, mas finalmente depois de uma semana internado acabei tendo  minha alta 🙌. 

Mesmo tendo alta a minha luta não tinha terminado, muito pelo contrário ela estava apenas começando, começando um ciclo novo na minha vida repleto de dificuldades, favores, paciência e dor... passei pela depressão, ansiedade, pânico e minha autoestima estava no fundo do poço.. Mesmo assim NUNCA deixei de sorrir e ser grato a Deus.

Hoje, mesmo sem entender o propósito de Deus, tento me manter positivo e paciente comigo mesmo.. e aos poucos estou me adaptando à tudo que vivo hoje, e eu vou te falar... não é nada fácil, tanto fisicamente quanto mentalmente. As vezes sinto que os meus sonhos, desejos, vontade e a minha autoestima foram embora, entende? Mas não foram e nem irão, porque eu não vou deixar, não vou deixar de querer o melhor pra mim, de ser forte, de lutar, de batalhar, de qualquer coisa que seja... porque Deus sempre esteve comigo e não só ele... como meus familiares, amigos e principalmente as mulheres que eu mais amo na minha vida, minha irmã, minha mãe e a minha prima. Mesmo eu tendo inúmeras dificuldades hoje, elas estão lá comigo me ajudando, me levantando e me guiando... por isso, não luto apenas por mim, luto por elas também... se não eu já teria chutado o balde( de muleta dá pra chutar kkkkk só que não pra muito longe rs.) 

Quem me conhece sabe que eu sempre fui trabalhador, ajudo em casa desde muito novo e ajudava a pagar as contas, nunca reclamei, sempre trabalhei, agradeci e corri atrás dos meus objetivos, mas hoje infelizmente é inviável o preço de uma prótese. Para continuar a sonhar e realizar meus objetivos, preciso de uma prótese para minha independência e por esse motivo, venho pedir o apoio dos meus amigos, conhecidos, familiares, colegas e quem mais se solidarizar com a minha história.

Agradeço a todos por todas as orações e com a quantia que puderem ajudar!

Vamos criar correntes, campanhas, sorteio, vendas, o que for necessário para atingir a minha meta, eu conto muito com vocês nessa batalha comigo! 

Do seu amigo, Igor.

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.