Cover screen shot 2018 07 10 at 21.11.43
Vakinha avatar

Vakinha de
Angela Tinen
São Paulo/SP

Vakinha da Naty

Objetivo
R$ 9.000,00
Arrecadado
R$ 5.000,00
$ contribua

A Natália é filha única e precisa manter a casa: sua mãe foi diagnosticada com doença neurodegenerativa e o pai está bastante debilitado. Ela administra a carreira de designer e confeiteira para manter e cuidar deles e a grana não tá dando. Essa vakinha é pra ajudar <3

Criada em
10/07/2018
Encerra em
08/09/2018

Essa vaquinha é pra ajudar a Natália. Ela costumava fazer biscoitos maravilhosos pra ajudar na grana em casa, além de trabalhar o dia todo fora, mas o cuidado com os pais ficou mais intenso e ela teve que parar.  Ela é quem faz aqueles biscoitos lindos da 1UP Geek Food (até o Azhagal e o jovem nerd já falaram bem dos biscoitos dela, sério!), que ela começou pra ajudar na renda da casa. O problema é que os cuidados com os pais aumentou muito (muito mesmo, num nível que ela mal consegue dormir, tá carregando os dois pra cima e pra baixo, tá sendo babá de noite e madrugada e trabalhando durante o dia) e ela teve que dar uma pausa nos biscoitos e manter só o trabalho normal. Com essa pausa e menos grana, veio tb um monte de gastos extras, de remédios à adaptação da casa.

Explicando melhor: a mãe dela tinha sido diagnosticada com alzheimer uns anos atras. Agora já estão falando em outras coisas, mas como ela não tem plano de saúde, depende do SUS e alguns contatos de amigos, o que leva bastante tempo pra ter qualquer resultado de exame, qualquer tratamento. A mãe está num ponto que ela não dorme, não sabe onde está, grita a noite toda e não pode de jeito nenhum ficar sozinha. O pai dela, que perdeu emprego de 27 anos sem nenhum benefício, ficava em casa e sempre ajudava, mas agora ele também está bastante debilitado por nódulos no fígado e também precisa de cuidados 24h.

Ela posta bastante sobre isso no instagram dela e é bem interessante pra saber como é a vida com alguém com doenças neurodegenerativas. (https://www.instagram.com/natyandersson/)

Ela trabalha fora o dia todo e costumava chegar em casa e fazer os biscoitos pra ajudar na renda, agora ela não consegue mais, pq além de tudo, ela mora bem longe e, como a gente bem conhece São Paulo, são duas horas em condução pra ir e mais duas pra voltar.

Os custos pra adaptar a casa, contratar cuidadores das 7h as 20h, comprar remédios (alguns não dão no sus), comidas específicas (eles precisam de suplementos), muitos e muitos produtos de limpeza, taxi o tempo todo pra levar os dois em médicos, etc... estão bem altos e a grana não dá.

Todo dia a gente fala com ela, todo dia ela tá exausta, todo dia tem uma história nova. As vezes esperanças, pra no dia seguinte cair tudo de novo....

Por isso estamos organizando essa vakinha... algumas amigas estão se mobilizando pra fazer comida e mandar pra ela, ajudar com transporte, etc... mas os gastos iniciais já aconteceram e a idéia é suprir o rombo e preparar ela pros próximos. A história, nas palavras dela no post do facebook: (https://bit.ly/2N8cpPA)

---- Meu nome é Natália, tenho 33 anos, sou filha única e trabalho com eventos em uma agência em SP. Comecei a fazer os biscoitos quando meu pai perdeu um emprego de 27 anos sem nenhum benefício financeiro, enfrentei meus medos e montei a 1up.geek pra assumir os cuidados de casa, comecei sozinha aprendendo a massa, confeitos, vendas, entregas, atendimento ao cliente, planejamento, administração da empresa, estoque. Nesses 2 anos conheci muitas pessoas maravilhosas...de clientes a concorrentes e amigas que me ensinaram muito.

Minha mãe foi diagnosticada com uma doença neurodegenerativa desde 2014/2015 e a situação só foi piorando ao longo do tempo, meu pai cuidava dela 24h enquanto eu trabalhava de dia e fazia os biscoitos nas noites e madrugadas. E tudo bem. Mas agora em 2018 meu pai também está muito debilitado, por ter sido diagnosticado com uns nódulos no fígado (e depender de serviço público é de doer, demorou muito até ter um início de tratamento) ele está super fraco, quase não anda sozinho e faz o impossível pra continuar ajudando a olhar minha mãe.

Chegou a hora em que não consigo mais fazer os biscoitos, precisei ter alguém cuidando deles durante o dia todo até o começo da noite pq preciso continuar trabalhando, adicionamos aos gastos de casa as fraldas geriátricas, suplemento alimentar, condução para os médicos, alguns remédios que não distribuem em posto. Não está sendo tão fácil.

------

$ contribua

Novidades (0)

Quem ajudou (45)

  • Marcia Iara Marques dos Santos
    em 16 de Julho de 2018

  • Manoela Siqueira
    em 16 de Julho de 2018

  • Lucylla Alves
    em 15 de Julho de 2018

  • Priscila Emerique
    em 14 de Julho de 2018

  • Camila Pires
    em 13 de Julho de 2018

  • Fernando Luis
    em 12 de Julho de 2018

  • renata gervatauskas
    em 12 de Julho de 2018

  • Mariana belim fernandes
    em 12 de Julho de 2018 diz:

Denuncie

Iremos verificar sua denúncia e entrar em contato com o dono da Vakinha.