Quero o Meu Filho de Volta

ID da vaquinha: 243158
Quero o Meu Filho de Volta
COMPARTILHE ESTA VAQUINHA
URL copiada!
0%
Arrecadado
R$ 0,00
de
Meta
R$ 70.000,00
Apoiadores
0
Encerrada
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens

Olá meu nome é Jaia da Silva Brito, solteira, tenho 30 anos 4 filhos e hoje moro com meus pais, irmãos e minhas 3 filhas. Vim até aqui pedir a ajuda de vocês pois estou desesperada e não vejo outra saida, a não ser pedir ajuda. 

Como já falei tenho 4 filhos de 2 pais e desde 2015 a minha vida se transformou em um inferno quando perdi a guarda do meu filho mais velho para os avós, o pai da criança que tambem é pai de mais uma filha comigo, está preso. O motivo da separação foi por causa das agreções que eu sofria do meu ex, nos separamos em 2013 quando a nossa segunda filha ainda era rescem nascida e logo após ele se envolveu em um assalto e foi preso. Mesmo depois de preso ele sempre mandou carta me avisando que se eu não voltasse com ele que eu ia me arrepender. E ele cumprimu a promessa, falou para os pais que queria que o meu filho fosse visitar ele na cadeia. E mesmo com a medida protetiva, falando que ele não podia se aproximar dos meus filhos e dos por 200 metros, os avós desebedeceram e pediram os documentos dos meu filho para levar no presidio e eu entreguei os documentos para ela pois me senti pressionada. Só que apartir disso na outra semana que eu esntreguei os documentos e deixei ela levar meu filho na casa dela, em seguida eles já conseguiram a guarda provisória pelo fato de estarem com os documento do meu filho e eu não consegui mais ver ele. Então eu comecei indo atras de um defensor puplico pois não tinha como pagar um advogado. Despois de muito esforço consegui o direito de ir visitar o meu filho, porem não conseguia a guarda pq não tinha condiçoes de ter o meu filho comigo pois ele precisava de tratamento piscologico despois que o pai foi preso. Foi entao que eles se aproveitaram da situação e falaram os diabos de mim e a minha familia e ue não podia fazer nada pois dependia de um defensor publuco que ao inves de me ajudar, acreditava em todas as menbtiras que os avós colocaram no processo e alem de não fazer o que eu pedia ainda saiu do caso. Eu não tinha orientação nenhuma por parte do defensor que me disse que eu não podia indicar um advogado disse que era o juiz que decidia. O juiz escolheu uma advogada que nem se quer olhou na minha cara quando teve uma audiencia que os avós nem compareceram, e eles ainda falaram para o juiz que queriam dna da minha outra filha stephanei, mesmo depois que ele assumiu a minha filha algando que ela não tinha olho azul igual o meu filho, ele nasceu parecida comigo.

 Na epoca conheci outro rapaz que me ajudava muito, tivemos uma filha, porem me abandonou gravida de novo, me trocando por uma mulher, então fiquei sozinha e desamparada gravida e com duas criança pequena, foi quando eu sai de Conchas Interior de São Paulo e vim morar com a minha mãe. Desempregada com duas crianças e uma na barriga eu ja não conseguia ir visitar o meu filho em Conchas pois o dinheiro que eu recebia do bolsa familia mal dava para comprar o leite paras as minhas filhas. A minha familia tambem é muito pobre e não conseguia ajudar com muito, mais deixaram eu ficar morando em casa com minhas filhas. A minha filha mais nova nasceu e eu decidi voltar para conchas com as crianças mais eu não tinha onde ficar, foi ai que o tio do meu segundo ex sedeu uma casa para eu morar de graça por uns meses. foi ai que as assistentes do foram foram na minha casa, fizeram o estudo. Então as coisas comecaram a ficar muti dificeis em conchas pois com tres crianças e sozinha eu sofria muito não conseguia sair de casa com as 3, o pai que me abandou ajudava com muito pouco pois ele tambem tem bastante filho com outra mulher. Então em fevereiro devidi vir embora morar com a minha mae aqui em São Paulo novamente. Antes de vir embora consegui visitar o meu filho uma vez. Trabalhei por três meses e consgui ir em Conchas ver ele mais uma vez. E no dia 26/06/2017 Saiu a senteça do juiz falando que o meu filho deveria ficar com a avó. Tentei varias vezes perguntar para a advogada como estava o andamento do processo e ela nunca me respondeu, então pedi ajuda e consugui ir em conchas ontem dia 01/12/2017 no forum ver o processo, pois o mesmo não tem senha pq é processo fisico. processos 0002320-542015.8.26.0145, 0002282-422015.8.25.0145. Foi quando fiquei sabendo que perdi a guarda do meu filho 5 meses depois e a defensra publica nunca me avisou.

Agora tenho que ir atras de advogado para revisar a guarda. Mas para eu ter o meu filho de volta preciso mostrar para o juiz que eu tenho condiçoes de sustentar os meus filhos. Moro com os meus pais e irmãos, que tambem são pobres em uma casa alugada na Vila Matilde. A minha vida é muito dificil, pretendo alugar uma casa para morar sozinha com os meus filho para quando o estudo social for na minha casa novamente eles entederem que eu posso sustentar meus filhos. Gostaria muito de ter um meio de locomoção mais facil tambem com 4 crianças facilitaria muito a minha vida. Peço a todos que me ajudem nessa luta, ajudem a ter o meu filho de volta só assim conseguirei ter paz novamente na minha vida.

Whatsap (11) 9-6421-0410 / Banco Caixa Economica Federal Ag 4789 Op 013 CP00004237-8

 

Obrigada a todos!

Encerrada
AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.

Todos os direitos reservados. 2021