Intercâmbio do Danilove

ID da vaquinha: 110333
Intercâmbio do Danilove
URL copiada!
0%
Arrecadado
R$ 0,00
de
Meta
R$ 5.000,00
Apoiadores
0
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens

Olá! Meu nome é Danilo Soares Cardoso e moro atualmente em Campo Limpo Paulista, interior de São Paulo. Estudo Sistemas de Informação no Mackenzie, faltando um semestre para concluir o curso.

No final do ano passado, fui um dos escolhidos pelo Mackenzie para realizar 1 ano do curso em uma faculdade portuguesa, com o objetivo de obter dupla titulação (um diploma do curso no Brasil e um em Portugal). Para muita gente isso é só uma oportunidade na vida, que pode aparecer mais de uma vez, caso não dê certo de primeira. Mas para mim é como uma daquelas oportunidades únicas, que não se pode perder quando aparecem.

Sou filho de migrantes nordestinos, cresci no interior de SP, sem grandes oportunidades de aprendizado. As escolas públicas da região tinham aquele esquema de “progressão continuada”, onde o aluno é aprovado mesmo sem ter pleno conhecimento do que estudou.

Apesar de tudo isso, sempre me esforcei para ser um bom aluno e aprender o que fosse possível. Na 3ª série foi um dos três escolhidos para representar minha sala em uma excursão por uma das maiores multinacionais alemãs, que tinha instalações na região da escola. Ao longo dos anos, sempre busquei extrair o máximo de conhecimento possível, mesmo com as oportunidades escassas.

Em 2009, assim que terminei o ensino médio optei por vir para SP estudar, onde realizei o curso Técnico em Telecomunicações. Quando consegui um trabalho, fiquei naquela rotina de acordar 7h e dormir 2h, pra conseguir conciliar estudo e emprego. Meus pais não tinha condições de me subsidiar porque sempre tiveram subempregos e uma renda muito baixa para tal financiamento.

Em 2013 consegui entrar no Mackenzie, e a rotina de voltar pro interior não funcionava mais, porque estava deteriorando minha saúde e produtividade. Comecei a morar em SP para estudar e trabalhar, até ser demitido devido à crise no final de 2015. Demorei cerca de 1 ano para conseguir um estágio, e quando o consegui, ele não cobria minhas contas mensais. Recentemente fiz um empréstimo para conseguir equilibrar as contas. Apesar de parecer uma medida incauta, fiz um planejamento que possibilitasse o menor custo possível a longo prazo, tendo em vista que os juros do cheque especial são absurdos em nosso país.

Chegamos nas últimas semanas de 2016, onde consegui a bolsa para estudar em Portugal. Minha situação atual é de que tenho cerca de R$500 no banco, tendo que:* deixar algumas contas para que meus pais assumam (o dito empréstimo e compras para a viagem)* comprar a passagem (minha família pelo Brasil irá me ajudar nesse ponto)* ter dinheiro suficiente para entrar no país e me manter por algumas semanas/meses até que encontre uma ocupação que pague as contas

Por isso a meta está tão alta. Se conseguir essa grana, conseguirei dar uma segurada pelo menos nos primeiros meses até que consiga algo para gerar renda no país. Não é fácil encontrar um emprego fora do país, porque ainda existe cerca discriminação, fora a taxa de desemprego ser de certa forma alta no país (cerca de 14%), o que limita as contratações estrangeiras, e também porque meu visto é de estudante, ou seja, não posso trabalhar formalmente no país, correndo risco de ser expulso e a empresa multada.

Meu objetivo é arrumar algum(ns) subemprego(s) e freelas quando estiver por lá, mas até me estabelecer no país e entender como tudo funciona, creio que deva levar pelo menos 1 mês. Por isso preciso da sua ajuda. Se você me apoiar, estarei realizando mais do que um sonho, estarei melhorando meu currículo e podendo voltar de lá com uma nova visão da vida, e podendo me envolver com projetos maiores. Minha vontade é de usar essa experiência internacional não apenas em benefício próprio, mas também poder conhecer mais pessoas que gostem de trabalho social e puder encontrar novas formas de desenvolve-los aqui no Brasil :)

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.

Todos os direitos reservados. 2021