Cover musica4
Thumb simbolo de nota musical 318 32225 1

Vakinha de
História Concisa da Música Clássica Brasileira
São Paulo/SP

História Concisa da Música Clássica Brasileira

Objetivo
R$ 35.000,00
Arrecadado
R$ 9.022,12
$ contribua

Vamos acelerar a publicação de "UMA HISTÓRIA CONCISA DA MÚSICA CLÁSSICA BRASILEIRA", do crítico musical Irineu Franco Perpetuo? Colabore, ganhe livros e outros presentes, e ajude a difundir a história dessa música, que, assim como a música popular, também é nossa!

Criada em
26/04/2017
Encerra em
08/08/2017

COMO FUNCIONA

Você pode apoiar esta publicação com qualquer valor. Mas criamos algumas condições bacanas para você escolher um jeito especial de apoiar, que caiba no seu bolso e você seja recompensado! 

1. Quem apoiar com 20 reais (doação mínima - ou mais, até R$ 37,99)  terá o nome publicado no livro, como apoiador do projeto

2. Quem apoiar com 38 reais (ou mais, até R$ 56,99): a) terá o nome publicado no livro, como apoiador do projeto; b) receberá um exemplar em casa, no endereço cadastrado

3. Quem apoiar com 57 reais (ou mais, até R$ 75,99): a) terá o nome publicado no livro, como apoiador do projeto; b) receberá um exemplar autografado pelo autor em casa, no endereço cadastrado

4. Quem apoiar com 76 reais (ou mais, até R$ 119,99): a) terá o nome publicado no livro, como apoiador do projeto; b) receberá um exemplar autografado pelo autor em casa, no endereço cadastrado; c) ganhará um desconto de 14 reais em um livro à sua escolha disponível no site da Alameda Casa Editorial (www.alamedaeditorial.com.br) 5. Quem apoiar com 120 reais (ou mais, até R$ 249,99): a) terá o nome publicado no livro, como apoiador do projeto; b) receberá um exemplar autografado pelo autor em casa, no endereço cadastrado; c) ganhará também um exemplar do livro Sejamos Todos Musicais (Alameda), de Mário de Andrade. 

6. Quem apoiar com 250 reais (ou mais, até R$ 499,99): a) terá o nome publicado no livro, como apoiador do projeto; b) receberá cinco exemplares autografados pelo autor em casa, no endereço cadastrado (entraremos em contato, para que você indique para quem o livro deve ser autografado); c) ganhará também um exemplar do livro Sejamos Todos Musicais (Alameda), de Mário de Andrade.  

7. Quem apoiar com 500 reais (ou mais, até R$ 999,99): a) terá o nome publicado no livro, como apoiador do projeto; b) receberá cinco exemplares autografados pelo autor em casa, no endereço cadastrado (entraremos em contato, para que você indique para quem o livro deve ser autografado); c) ganhará 100 reais em desconto na loja online da Alameda Casa Editorial (www.alamedaeditorial.com.br).

8. Quem apoiar com 1.000 reais (ou mais, sem limite): terá os prêmios b), c) e d) do item 7 dobrados. IRINEU FRANCO PERPÉTUO EXPLICA O PROJETO HISTÓRIA CONCISA DA MÚSICA CLÁSSICA BRASILEIRA

"Assim como não quero brigar com a música popular, tampouco tenho a intenção de enganar o leitor incauto. Esse livro aqui fala de música brasileira, sim. Mas é a “outra”. A “clássica”. A impopular (sem aspas). Pois a magnitude e a difusão do nome de Villa-Lobos constitui antes exceção do que regra no cenário musical brasileiro.

Nossos compositores que não se chamam Villa-Lobos vivem eternamente tendo que ser “resgatados” por musicólogos e intérpretes abnegados, que teimam em não deixar apagar a memória de uma produção contínua e de qualidade, que começou na época colonial, chegando até os nossos tempos.

Minha ideia foi contar a história dessa música de maneira acessível ao leitor “leigo”, não-familiarizado com o jargão musical específico. Para não afugentá-lo, optei por não colocar exemplos musicais em pentagrama – de resto, com as facilidades tecnológicas de hoje, é relativamente simples entrar na internet e ouvir pelo menos trechos das obras citadas. Tampouco tive pretensões de exaurir o tema. Entraram os compositores e obras que considerei “fundamentais” (procurando colocar alguma objetividade dentro de escolhas fadadas inexoravelmente à subjetividade); contudo, omissões (e as injustiças que elas acarretam) serão sempre inevitáveis em trabalhos dessa natureza.

Sendo cada partitura um dado cultural, e não uma mera coleção de folhas soltas no tempo e no espaço, procurei relacionar nossa música “clássica” com os fatos históricos e culturais de sua época (inclusive a música popular), e situar seus criadores no ambiente intelectual e social brasileiro. Tentei contemplar a produção contemporânea não apenas na esfera da composição, mas também da musicologia: há uma série de trabalhos recentes com reflexões importantes sobre o passado musical brasileiro, e na parcela relativamente pequena desses estudos a que consegui ter acesso resolvi basear parte de meu trabalho."

$ contribua

Novidades (0)

Quem ajudou (98)

  • Vera Novack
    em 27 de Junho de 2017

  • Antonio Ribeiro
    em 27 de Junho de 2017

  • anônimo
    em 27 de Junho de 2017 diz: Apoio e desejo sucesso na publicação, mesmo sem ter lido o que sairá sobre mim! Faço-o diante da honestidade intelectual do Irineu, cujo trabalho respeito. Em face do congelamento de meu salário há 6 anos pela compressão do teto, exercida pelo Governador do Estado Alkmin, que, esperemos, deverá ficar em último lugar na corrida presidencial, contirbuo com o que posso... Flo Menezes

  • Márcio José Silveira Lima
    em 26 de Junho de 2017 diz: Parabéns pela iniciativa. Boa sorte na arrecadação.

  • Erica Avelar
    em 23 de Junho de 2017

  • Paulo Zuben
    em 23 de Junho de 2017

  • Alexandre Rosa
    em 23 de Junho de 2017 diz: Sucesso Irineu! Abraço. Alexandre

  • anônimo
    em 22 de Junho de 2017

Contato

Envie uma mensagem diretamente para o dono desta Vakinha.





Denuncie

Iremos verificar sua denúncia e entrar em contato com o dono da Vakinha.