Cover 2014 02 24 16 12 50 938
Vakinha avatar

Vakinha de
Denis de Oliveira Renna
São Paulo/SP

Gelson Renna

ID da vaquinha: 578740

Copiar url:

Objetivo
R$ 16.500,00
Arrecadado
R$ 8.085,00
$ contribua

Meu pai sofreu um AVC hemorrágico dia 09/05 e se encontra internado aguardando uma cirurgia. Ainda não há vagas para realizar essa cirurgia pelo SUS. Dessa forma necessitamos de ajuda para continuar a pagar as despesas e dívidas que estão em aberto. Estamos levantando valores através de nossas economias e da venda de bens. Contamos com a solidariedade de amigos e familiares!

Criada em
15/05/2019
Encerra em
15/07/2019

Nesta quinta-feira (9/maio) meu pai Gelson Renna, hipertenso, teve um AVC hemorrágico causado por um aneurisma. Ele deu entrada no Hospital João XXIII onde aguardou mais de 24h para conseguir fazer uma tomografia (realizada no Hospital Sapopemba) e voltou com parte do diágnostico mas ainda com exames faltantes. Após 3 dias foi transferido para o Hospital São Paulo, onde foi possível realizar o restante dos exames. Desde então, seguimos no aguardo da liberação de um quarto de UTI para realização de sua cirurgia. O aneurisma precisa ser pinçado, mas não há vagas para a realização da cirugia. Estamos em oração para que consiga realizar esta cirurgia logo e que não haja sequelas. Porém, ainda estamos no aguardo da vaga desta cirurgia.

Dada a situação, levantamos seus extratos, checamos seus cartões de crédito e empréstimos, cheque especial e dívidas e descobrimos que há uma divida a pagar nos próximos meses que somam R$ 36.000, isso já contando as faturas dos cartões de créditos e cheque especial. Como ele é vendedor autônomo, cada dia sem estar na rua vendendo, menor é seu faturamento. Ainda não temos previsão alguma de quando acontecerá a cirurgia, de como será sua recuperação e quanto tempo levará para ter suas entradas mensais de volta (que temos esperança de que dará tudo certo em sua cirurgia e recuperação).

Nos próximos três meses, mesmo diminuindo os gastos atuais, teremos de resolver esta divida de R$ 36.000, dívida também oriunda da venda da Auto Peças que ele possuía com seus irmãos. Sendo assim, descontando sua aposentadoria de R$ 1450,00, teremos um gasto mensal de R$ 3.500 reais/mês, o que somará R$ 10.500 no período de 3 meses, que é o período que consideraremos para sua recuperação até seu retorno às vendas e recuperação de clientes, entre outros fatores.

O que totaliza R$ 46.500,00.

Atualmente, aqui em casa, meu pai era o chefe de família provedor do maior volume de pagamentos de contas (em sua maioria dívidas, carro do trabalho e alimentação). Eu também trabalho mas contribuía com gastos de Água, Luz, Telefone, Internet (para trabalho) e algumas necessidades de reparações em casa. Meu irmão que iria se mudar para o nordeste proximamente, pediu demissão do emprego e atualmente está sem nenhum tipo de remuneração. Sua ida foi cancelada até o momento para nos ajudar emocionalmente e financeiramente na medida do possível. Minha mãe é artesã e dona de casa, com baixa entrada de recursos mensais também.

Com meu trabalho tentarei manter também o pagamento do meu cartão de crédito, que tem pagamentos fixos até novembro deste ano. E auxiliarei também no pagamento de alimentação e outras necessidades possível. Mas não tenho como bancar todos os gastos dos próximos 3 meses sozinho. Descontinuarei meu curso de inglês que estava planejando terminar, estamos diminuindo nosso volume de internet, telefone, entre outras N coisas necessárias para cortar custos.

Sendo assim, juntei minhas economias (R$ 10.000) que eu pagaria minha mudança e alguns móveis no final do ano (também adiada/cancelada), meu irmão, Denis, R$ 2.000 com sua recisão do trabalho e minha mãe R$ 15.000 com a venda do carro, EcoSport 2007 modelo 2008, 1.6, Flex (que ainda estamos tentando vender pelo melhor preço possível), mais R$ 3.000 que meu têm pai a receber de suas vendas do mês passado.

 

Com os valores acima descritos teremos (com a venda do carro) R$ 30.000,00.

Restará faltante R$ 6.000,00 em dívidas e R$ 10.500,00 das despesas futuras (3 meses de recuperação).

 

A meta dessa Vakinha é de R$ 16.500,00. 

 

Estamos confiantes para que no seu retorno, sua recuperação seja rápida e sem complicações. E que possamos vê-lo em breve como o conhecemos bem e ativo! Não teremos como devolver este dinheiro depois, muitas pessoas se ofereceram para nos auxiliar, essa foi a forma mais prática que encontramos. Caso não cheguemos ao valor total já somos grato de qualquer forma por toda ajuda até o momento. Pensaremos em uma nova rota se necessário, mas estaremos gratos de coração!  

Confiamos e entregamos a Deus sua recuperação!   

$ contribua

Novidades (6)

Denis de Oliveira Renna publicou em 04 de Julho de 2019:

Olá,  meu pai recebeu alta pela segunda vez no dia 14/06. Na correria, não tivemos tempo de avisar à todos. No inicio foi necessário esforço 100% de todos aqui em casa 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Sua memória recente chegou bem afetada, não lembrava nem o que havia almoçado, jantado, fazia diversas vezes a mesma pergunta. No entanto, após quase 3 semanas, ele ainda apresenta falhas na memória, tem alguns lapsos e em alguns momentos faz algumas coisas sem sentido, como levantar de madrugada para fazer café da manhã entre outras coisas do gênero que temos fé de que passará.

Em relação à sua saúde, segue fazendo exames toda semana, principalmente para o tratamento da trombose, nesta quarta-feira conseguiu alcançar a medida ideal no exame que identifica o quão fino está o sangue para que ele passe pelas veias sem problemas. Seguirá fazendo estes exames com certa frequência. Ainda estamos correndo atrás da fisioterapia e de um acompanhamento com neuro que ainda não conseguimos iniciar. No Hospital São Paulo não prestam este atendimento contínuo, uma vez que já saiu da internação.

Seguiremos em orações por sua saúde mas a partir de agora só o tempo auxiiará para que fique 100%. Somos eternamente GRATOS por todos que ajudaram neste vaquinha. Sem a ajuda de vocês talvez estariamos muito apertados para a compra de fraldas e remédios para trombose entre outros que foram necessários. Não alcançamos a meta, mas encontramos outras alternativas, como não pagar alguns cartões de crédito, que resolveremos futuramente.

Nos comprometeremos em ajudar com doações à outras pessoas assim que possível, como intuíto de agradecer à vida e contribuir com quem precisa em momentos dificeis. MUITO OBRIGADO a todos que ajudaram com dinheiro, com orações ou divulgações e apoio. Gratidão. Desejamos à todos muita luz, muita paz e saúde.  Gratidão.

Denis de Oliveira Renna publicou em 04 de Julho de 2019:

Olá,  meu pai recebeu alta pela segunda vez no dia 14/06. Na correria, não tivemos tempo de avisar à todos. No inicio foi necessário esforço 100% de todos aqui em casa 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Sua memória recente chegou bem afetada, não lembrava nem o que havia almoçado, jantado, fazia diversas vezes a mesma pergunta. No entanto, após quase 3 semanas, ele ainda apresenta falhas na memória, tem alguns lapsos e em alguns momentos faz algumas coisas sem sentido, como levantar de madrugada para fazer café da manhã entre outras coisas do gênero que temos fé de que passará.

Em relação à sua saúde, segue fazendo exames toda semana, principalmente para o tratamento da trombose, nesta quarta-feira conseguiu alcançar a medida ideal no exame que identifica o quão fino está o sangue para que ele passe pelas veias sem problemas. Seguirá fazendo estes exames com certa frequência. Ainda estamos correndo atrás da fisioterapia e de um acompanhamento com neuro que ainda não conseguimos iniciar. No Hospital São Paulo não prestam este atendimento contínuo, uma vez que já saiu da internação.

Seguiremos em orações por sua saúde mas a partir de agora só o tempo auxiiará para que fique 100%. Somos eternamente GRATOS por todos que ajudaram neste vaquinha. Sem a ajuda de vocês talvez estariamos muito apertados para a compra de fraldas e remédios para trombose entre outros que foram necessários. Não alcançamos a meta, mas encontramos outras alternativas, como não pagar alguns cartões de crédito, que resolveremos futuramente.

Nos comprometeremos em ajudar com doações à outras pessoas assim que possível, como intuíto de agradecer à vida e contribuir com quem precisa em momentos dificeis. MUITO OBRIGADO a todos que ajudaram com dinheiro, com orações ou divulgações e apoio. Gratidão. Desejamos à todos muita luz, muita paz e saúde.  Gratidão.

Denis de Oliveira Renna publicou em 12 de Junho de 2019:

Bom dia. Estamos na correria, pois meu pai teve alta sexta-feia (7) de noite, no entanto logo chegando em casa apresentou desmaio, pressão baixa e estado febril. No dia 9 (domingo) 12h voltamos ao pronto socorro do Hospital São Paulo, e depois de 17 horas esperando e fazendo exames, ele foi internado devido a trombose na perna. Além de ainda estarem investigando uma possível infecção, que até o momento não identificaram exatamente onde é, há também uma embolía pulmonar, que ainda não tivemos acesso aos detalhes, estamos aguardando o médico nos passar as novas informações.  Agora o mais importante de tudo é seguirmos em orações para que haja um diagnóstico rápido de tudo que ele possa estar tendo no momento além da embolia, trombose na perna e esta infecção que não identificam a origem. Estamos rezando para que este diagnostico tratamento e cura aconteça o quanto antes. Pedidmos que orem para suas crenças idependente de qual seja, para que meu pai se recupere bem de tudo isto.  Além disto, como ele sofreu o AVC, ele não tem muita noção de tudo que está acontecendo, pois sua memória recente está atrapalhada, pois é uma cirurgia muito delicada que aconteceu há pouco tempo e levará alguns meses para melhorar. Então ele tem risco de queda da maca e temos que ficar 24/7 ao seu lado, estamos revezando eu, minha mãe e meu irmão como acompanhante em sua internação no corredor do pronto socorro do Hospital São Paulo. Agradecemos a todos que possam dedicar um tempinho de seu dia com uma oração para sua recuperação, mesmo que seja breve. Estamos gratos.

Denis de Oliveira Renna publicou em 12 de Junho de 2019:

Bom dia. Estamos na correria, pois meu pai teve alta sexta-feia (7) de noite, no entanto logo chegando em casa apresentou desmaio, pressão baixa e estado febril. No dia 9 (domingo) 12h voltamos ao pronto socorro do Hospital São Paulo, e depois de 17 horas esperando e fazendo exames, ele foi internado devido a trombose na perna. Além de ainda estarem investigando uma possível infecção, que até o momento não identificaram exatamente onde é, há também uma embolía pulmonar, que ainda não tivemos acesso aos detalhes, estamos aguardando o médico nos passar as novas informações.  Agora o mais importante de tudo é seguirmos em orações para que haja um diagnóstico rápido de tudo que ele possa estar tendo no momento além da embolia, trombose na perna e esta infecção que não identificam a origem. Estamos rezando para que este diagnostico tratamento e cura aconteça o quanto antes. Pedidmos que orem para suas crenças idependente de qual seja, para que meu pai se recupere bem de tudo isto.  Além disto, como ele sofreu o AVC, ele não tem muita noção de tudo que está acontecendo, pois sua memória recente está atrapalhada, pois é uma cirurgia muito delicada que aconteceu há pouco tempo e levará alguns meses para melhorar. Então ele tem risco de queda da maca e temos que ficar 24/7 ao seu lado, estamos revezando eu, minha mãe e meu irmão como acompanhante em sua internação no corredor do pronto socorro do Hospital São Paulo. Agradecemos a todos que possam dedicar um tempinho de seu dia com uma oração para sua recuperação, mesmo que seja breve. Estamos gratos.

Denis de Oliveira Renna publicou em 31 de Maio de 2019:

Nesta Quinta-feira (30/05) o meu pai recebeu alta da UTI. Exatamente 14 dias após a cirurgia de clipagem do aneurisma roto com hemorragia subaracnoide. Ele tem respondido à comandos tanto com o lado direito quanto com o esquerdo. FOi desentubado há 3 dias e também está conseguindo falar, rouco, com raciocínio lento, mas está apresentando melhoras a cada dia. Hoje, apesar de não conseguir se movimentar bem, muito menos andar/ficar em pé direito, tomou banho de chuveiro antes de sair da UTI. Seu raciocínio está apresentando confusão, não sabe exatamente quantos dias está internado, apesar de saber nos dizer que ocorreu dia 9 a roptura do aneurisma, e saber que dia é hoje, ele não consegue contabilizar nem entender que já tem 3 semanas desde o fato. Às vezes fala algumas coisas como se estivesse em casa ou não responde algumas coisas que perguntamos, fica aéreo, mas não temos noção de que tipo de sequela terá/se terá, mas levará um tempo para sua recuperação.

Ainda apresenta sonolencia, causada pela hemorragia que teve, é como se seu cérebro estivesse cheio de hematomas, isto pode causar convulsões e sonolência, ele tem apresentado apenas a sonolência. Assim, de acordo com o desaparecimento dos hematomas de seu cérebro, sua sonolência tende a ir desaparecendo também. Estamos em orações para que suas confusões passem, seus movimentos voltem e não haja nenhum agravo clínico, apenas melhoras. Não sabemos ainda quando terá alta médica da enfermaria, mas estamos confiantes de que logo o teremos em casa para prosseguirmos com sua recupeação de uma forma mais familiar, estimulando seu cérebro, memória, raciocínio e movimentos. Agradecemos muito a todos que já nos ajudaram e que perguntam com frequência sobre seu estado. Aos que oram, pedimos que sigam em orações, aos que desejam, sigam desejando. Estamos muito gratos por toda ajuda. Avisaremos quando tivermos novas notícias significantes, Às vezes não temos tempo de responder a todos que perguntam, mas seguiremos comentando as novidades por aqui também.  

Denis de Oliveira Renna publicou em 17 de Maio de 2019:

Tivemos uma resposta do Dr. Fernando 16/05 as 19:30:

A cirurgia correu bem como deveria (das 11:00 as 17:00), não teve nenhuma intercorrência. Havia um hematoma no cérebro por conta do próprio sangramento. Como ele estava sendo medicado de antes tbm talvez demore um pouco pra acordar... agora deverá ficar na UTI por 2 dias fazendo monitoramento e exames referente ao pós operatório, porém seguirá na UTI (até 3 semanas) pra que se certifique de que não haja nenhuma complicação posterior pois o aneurisma roto é uma doença mto grave e ainda pode haver complicações.

Devemos seguir em orações para que o pós operatório não haja nenhuma complicação. 

Quem ajudou (78)

  • João R
    em 15 de Julho de 2019

  • Lísias Paiva
    em 04 de Julho de 2019

  • Lísias Paiva
    em 12 de Junho de 2019

  • Dalton Nascimento
    em 01 de Junho de 2019

  • anônimo
    em 31 de Maio de 2019

  • Thamires Galvão
    em 29 de Maio de 2019

  • Lísias Paiva
    em 28 de Maio de 2019

  • anônimo
    em 27 de Maio de 2019

Denuncie

É necessário estar identificado para fazer uma denúncia. Registre-se ou faça login.

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.