Vaquinha / Outros / Dinheiro

Fotografar a Cultura Hip Hop

ID da vaquinha: 54598
Fotografar a Cultura Hip Hop
URL copiada!
0%
Arrecadado
R$ 10,00
de
Meta
R$ 14.000,00
Apoiadores
1
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens
Em 2002 foi a primeira vez que vi uma batalha de breaking graças ao b-boy Luck da Gangue de Breaking Consciente da Rocinha, o GBCR. Entretanto somente em 2010 comecei a fotografar os eventos de breaking. Tanto as batalhas quanto as cyphers me chamavam a atenção pelos movimentos dos corpos e o quanto são imprevisíveis. Com a fotografia eu tento captar os significados desses movimentos, gestos de desafio, e de sátira com o oponente, assim como, os movimentos de impacto. Se nos fins dos anos 70 quando o breaking surgiu como forma de “resolver” os conflitos de gangues nova-iorquinas, como os b-boys afirmam, e de se afirmarem em quanto um grupo social de periferia que se manifesta de forma pacífica por meio de ocupação de espaços públicos, hoje temos ainda a necessidade de ocupar estes espaços públicos assim como, demonstrar que o breaking e a cultura hip hop são formas de respostas às opressões que determinados grupos sociais sofrem. Dessa forma, objetivo fotografar os eventos de breaking, tanto as batalhas quanto as cyphers por diversos lugares do Paraná e pelo restante do país a partir da região de Maringá. Esta é uma tentativa de observar e registrar esses corpos periféricos em movimento e também tentar notar as diferenças da dança breaking. Aqui levo em conta que o breaking dançado no nordeste é diferente do dançado na região sul e assim por diante. Também quero, por meio da fotografia, demonstrar estas diferenças. Quanto ao vídeo a proposta é gravar conversas em que o b-boy conte suas história e ideias quanto ao breaking e à cultura hip hop e suas importâncias para cada um.
AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.

Todos os direitos reservados. 2021