Vaquinha / Outros / Dinheiro

Casinha da Jeosanny Kym

ID da vaquinha: 24900
Casinha da Jeosanny Kym
0 coração recebido
COMPARTILHE ESTA VAQUINHA
URL copiada!
8%
Arrecadado
R$ 930,00
de
Meta
R$ 12.000,00
Apoiadores
11
Encerrada
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Corações Recebidos
  • Mensagens
Desde dos meus 15 anos quando comecei a trabalhar meu objetivo sempre foi ter um canto pra chamar de meu, todo meu dinheirinho era guardado com essa finalidade. Passado anos juntando com muito esforço consegui comprar um terreno em Tribobó que fica em São Gonçalo, lugar esse que escolhi pra construir e morar. Inicie a obra em 2014, contratei um pedreiro que inicialmente me cobrou um preço que eu considerava justo mas que ao mesmo tempo trapaceou, roubou meu material, construiu o alicerce errado, sem esquadro, sem medir, só fazendo no olho. E pra piorar tinha pago 50% do valor que não foi devolvido pelo mesmo. Fiquei sem mão de obra. A segunda etapa era colocar água no terreno, ou seja puxar água da rua. O cano da cedae passa por baixo do asfalto em uma galeria que tem um buraco muito estreito para poder fazer a ligação, chamei uma pessoa pra fazer esse serviço que por sua vez deixou pela metade e fez a ligação no cano errado, a segunda pessoa não conseguiu entrar na galeria ficando praticamente agarrado dentro do buraco e a terceira pessoa que fez esse serviço deixou pela metade, vindo a falecer executando outro serviço em outra obra. A terceira etapa foi colocar luz/energia no terreno, aquele lance de pedir uma ligação nova na ampla, o que parecia simples, mas uma vez se mostrou complicado, a ampla faria a instalação desde que tivesse alguém para receber a equipe num prazo de 72h a disposição deles, O que aconteceu foi que houve desencontros e não foi feito o serviço. Sendo que toda a parte do material desde do poste até o relógio é o cliente que tem que comprar, assim foi feito, comprei e eu e minha irmã pegamos na loja e troucemos até o terreno o poste nos ombros e o amigo Tatá fez a instalação faltando apenas a ampla fazer a ligação, que a essa altura me notificou dizendo que o terreno ficava em área de proteção ambiental e que teria que pagar x valor na prefeitura para a liberação. Tudo caô, o amigo Diogo se propôs a ir até a ampla de niterói e solicitar em seu nome uma ligação para a minha casinha e assim foi feito. Depois de muita luta enfim tinha relógio no meu poste. O segundo pedreiro chegou a ir umas 3x no terreno mais logo foi contratado por uma empreiteira e eu mais uma vez fiquei sem mão de obra. O terceiro pedreiro contratado está comigo até hoje, Edinho é honesto, tem uma banda de forró que toca nos finais de semana, é pai de 10 filhos e aguarda a chegada do Isac. Tem feito o que pode pra me ajudar, em relação a subir o material, porque meu terreno fica em um lugar com inclinações e a rua ainda não está cimentada. Com muito esforço a casinha começou a subir e de fato visualizar meu futuro lar. Mas como a alegria de pobre incomoda, pessoas de má índole roubaram 8 vigas de ferro para a construção das colunas e na semana seguinte derrubaram metade da casinha como podem ver nas fotos. Como podem imaginar chorei junto com o meu pedreiro que não entende como podem ter feito tamanha crueldade comigo, com ele e com a obra da casinha. Arregacei as mangas e decidi que não seria isso que me faria desistir, por isso estou aqui contando a minha história para que quem puder, quiser e se sensibilizar me ajude a continuar a obra da minha tão sonhada casinha. Agradeço desde já todas as palavras de incentivo que recebo e principalmente quem puder contribuir com a vakinha. Beijos da Kym *_* 
Encerrada
AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.