Cover whatsapp image 2018 08 10 at 13.59.332 01
Thumb profilepic

Vakinha de
Maria de Belém R Dias
Belem/PA

Amigos da Day

Objetivo
R$ 275.000
Arrecadado
R$ 37.342,00
$ contribua

A Day e família estão passando por um longo processo de tratamento e precisam de sua ajuda! 91 98129 6675 (Belém Dias - mãe) 91 98020 3220 (Franney - pai) 62 99600 4287 (Miguel Laranja - esposo)

Criada em
11/08/2018
Encerra em
31/12/2018

Você pode ajudar também direto com depósito:

Banco do Brasil S.A.

Maria de Belém R Dias

Poupança Ouro: Variação 51

Agência: 2946-7

Conta: 6.831.140-0

CPF: 116.962.492-87

Dayenne Michelly Dias Oliveira Laranja Pinto, a NOSSA Day, tem 34 anos, é casada, com três filhos e precisa da sua ajuda.

Como parte do nosso comprometimento na transparência desta campanha, estaremos disponibilizando a prestação de contas de todo o processo a partir do link abaixo, sendo atualizado frequentemente.

https://www.dropbox.com/sh/lhb3607ltcimx4b/AABSWWYs1B0ivILr_hNGz7rja?dl=0

Em 2015 a Day apresentou hemorragias intensas sem diagnóstico preciso e foi internada na UTI com anemia profunda. Neste período foi dado um diagnóstico de Síndrome de Von Willebrant, ficando a opção do cirurgião geral do hospital São Francisco de Assis, em Goiânia, a histerectomia para cessar o sangramento visto que já tinha três filhos. No ato da cirurgia o médico identificou visualmente o tumor que posteriormente foi confirmado como câncer de colo de útero, desde então começou a nossa batalha para a cura da Day.

Em um curto espaço de tempo necessitou de cirurgia oncológica (linfadenectomia) para saber o grau da doença. Em 2016, passou por 55 sessões de radioterapia, 4 de braquiterapia e 8 de quimioterapia simultaneamente.

Após seis meses de tratamento, já em 2017, apresentou uma recidiva do câncer no canal vaginal, levando à procura de uma segunda opinião no Hospital A. C. Camargo em São Paulo (especialista em câncer). Neste hospital foi definido tratamento com uma nova cirurgia, desta vez robótica e mais invasiva, na qual apresentou uma fístula na bexiga e realizou 40 sessões de câmara hiperbárica em busca do fechamento da mesma. Entretanto, após nove meses desta cirurgia, com continuidade do tratamento no A. C. Camargo, foi diagnosticado nova recidiva, sendo necessária novamente uma intervenção cirúrgica de maior proporção, incluindo a região pélvica e intestinal com a utilização de bolsa de colostomia.

Devido ao cenário desta cirurgia ainda existem células cancerígenas que serão necessárias 8 novas sessões de quimioterapia e acompanhamento da doença tanto em São Paulo quanto em Belém.

Durante o tratamento o seu esposo foi demitido, ficando com o plano de saúde da UNIMED até dezembro de 2017, quando solicitou ao plano a manutenção do mesmo de forma particular onde demonstrou interesse em continuar com a UNIMED para dar o suporte que a Day sempre precisou durante todo este período. No entanto, a empresa UNIMED negou a continuidade do plano, deixando-nos totalmente desamparados e desesperados em pleno tratamento. Desde então, todas as nossas economias foram utilizadas para proporcionar o tratamento e a qualidade de vida que a UNIMED nos negou. Para não ficarmos totalmente descobertos, a Sulamérica nos recebeu e colocou como carência parcial temporária (CPT) o prazo de 24 meses para esta doença pré-existente da Day (CID 10 - C53). Estamos juntando documentação para acionar juridicamente a UNIMED por estes danos financeiros e morais.

Mesmo com todas essas complicações e desafios, a Day segue firme e forte para mais uma etapa de quimioterapia, hoje junto de sua família e amigos de Belém.

A proposta desta Vakinha é arrecadar fundos para o seu tratamento de quimioterapia e demais despesas que acompanharão além das diversas despesas que o plano não cobriu e repassou para a família. Hoje o valor estimado destes está em R$275.000,00.

Da mesma forma, sendo ganha a causa contra a UNIMED, todos os fundos arrecadados que não forem utilizados serão doados a entidades voltadas ao tratamento de câncer infantil em Belém. Dando preferência a entidades que vivem unicamente de doações para fortalecer esta corrente do bem.

Você pode contribuir com R$50, R$100, R$200 ou qualquer quantia que possa disponibilizar. A sua ajuda é fundamental para conseguirmos o tratamento assim como prover esperança à nossa família.

 

“ [...] não amemos de palavras nem de língua, mas por ações e em verdade. ” (1 João 3: 18)

“Porque para Deus não haverá impossíveis em todas as suas promessas. ” (Lucas 1: 37)

$ contribua

Novidades (0)

Quem ajudou (217)

  • anônimo
    em 14 de Novembro de 2018

  • Ines Tiyomi Endo
    em 14 de Novembro de 2018

  • Byanca
    em 04 de Novembro de 2018

  • Marina Teixeira
    em 04 de Novembro de 2018

  • Marília Cunha
    em 01 de Novembro de 2018 diz: Um fraterno e grande abraço no coração de todos ❤

  • anônimo
    em 22 de Outubro de 2018

  • Telma naomi endo
    em 14 de Outubro de 2018

  • Christelle
    em 04 de Outubro de 2018

Denuncie

Iremos verificar sua denúncia e entrar em contato com o dono da Vakinha.