Vaquinha / Outros / Dinheiro

Ajude a Santa Casa de Fernandópolis a Não Fechar As Portas

ID da vaquinha: 32352
Ajude a Santa Casa de Fernandópolis a Não Fechar As Portas
Você não possui corações!
Clique aqui para comprar.
0 coração recebido
COMPARTILHE ESTA VAQUINHA
URL copiada!
0%
Arrecadado
R$ 0,00
de
Meta
R$ 100.000,00
Apoiadores
0
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens

As mazelas causadas pelo atraso – e diminuição-  dos repasses do governo Federal a Santa Casa de Fernandópolis, vai muito além do atraso no pagamento dos funcionários e médicos da irmandade. Nesta semana a ala 5 e 10 leitos da Unidade de Terapia intensiva foram desativados.

A ala 5 dos Hospital, cuja capacidade gira em torno de 90 leitos, foi fechada nesta semana, e os pacientes transferidos para outros setores da irmandade, tudo isso a fim de otimizar os atendimentos e economizar fundos.

Segundo informações, os mais de 30 leitos da referida unidade estão além da capacidade contratual com o Sistema Único de Saúde o SUS, ou seja, os atendimentos feitos na ala 5 não estão no contrato de vagas garantidos pelos SuS, portanto a provedoria da Santa Casa viu a oportunidade de, ao invés de fracionar os pacientes por alas, o mais correto seria transferi los na totalidade para outros setores a fim de aproveitar os funcionários e médicos.

Antes os pacientes ficavam distribuídos o que fazia as equipes de atendimento e médicos se dividirem. ainda restam diversas vagas nas demais áreas de internação do Hospital.

O mesmo princípio acontece com os 08 dos 16 dos leitos desativados recentemente da Unidade de Terapia Intensiva. A ideia é centralizar equipes de enfermeiros, prestadores de serviços e médicos numa única ala, afim de prestar o devido atendimento aos pacientes nela instalados. Os leitos desativados também estão além do numero de vagas previstos no acordo com o SUS. Qual atendimento de urgência ou emergência que necessitar de internação na unidade, deverá passar por uma triagem do orgão regulador, caso contraio o paciente poderá ser transferido para outros hospitais da região.

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.

Todos os direitos reservados. 2022