Ajude a Princesa

ID da vaquinha: 73352
Ajude a Princesa
URL copiada!
0%
Arrecadado
R$ 0,00
de
Meta
R$ 3.000,00
Apoiadores
0
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens

Esse anjinho foi resgatado já quase morta na rua. Foi diagnosticada com megaesôfago, uma doença que necessita de muitos cuidados pro resto da vida. Toda vez que for alimentá-la, tem que ter o cuidado de não deixar que fique com a cabecinha pra baixo, pra não vomitar tudo. Ela está extremamente magrinha e debilitada. Além disso não tem uma parte da patinha traseira e manca um pouquinho.. Provavelmente foi atropelada :/ 

O tratamento é caro, ela tem que comer uma ração especial que custa em torno de 100,00 por mês + remédios, exames, consultas, vacinas. Além de injeções constantes(que custa 55,00 cada), toda vez que ela entrar em crise e tiver muitos vômitos, em que chega a vomitar mais de 10 vezes em um só dia.

Também tem que fazer uma tomografia que custa em torno de 1000,00 e só tem em outra cidade, para talvez realizar uma cirurgia, dependendo do estado em que ela estiver.

O veterinário disse que mesmo seguindo o tratamento, o caso dela é bem delicado.. Mas pelo menos dá pra ela ter uma melhor condição de vida.

Mesmo com tanto sofrimento, ela é extremamente dócil e agradecida. Realmente um anjinho.

Peço ajuda para ajudar a Princesa, porque no momento não tenho como arcar com tudo isso. É um gasto em torno de 200,00 a 250,00 por mês, mais a tomografia e a possível cirurgia.

Agradecemos imensamente a quem puder contribuir com qualquer valor. Se não puder contribuir com dinheiro, faça uma oração e envie energias positivas para a Princesa, que ajudará muito em sua recuperação!

Ela merece uma vida de muito carinho e amor depois de tanto sofrimento que passou! 

“Um cãozinho com megaesôfago pode apresentar regurgitação, ter dor ao deglutir, dificuldade em engolir, salivação excessiva e alteração de apetite. Embora os sinais sejam variados, o que mais facilmente será notado pelo proprietário será que pouco depois de comer o bichinho regurgita tudo. Com isso, o animalzinho vai emagrecendo muito. Às vezes ele começa a tentar torcer o pescoço, para poder conseguir engolir o alimento. A alimentação deve ser dada de maneira que o cão fique com as patinhas da frente mais alta do que as traseiras. O comedouro pode ser colocado, por exemplo, em uma escada, que permita que o cão se apoie com as patas da frente e deixe a cabeça o e pescoço mais alto e mais reto. A alimentação deve ser pastosa. Recomenda-se a ração úmida misturada à água, na proporção de um pra um, deixando a comida bem mole. Alguns casos requerem a colocação de uma sonda gástrica para nutrição e hidratação.”

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.

Todos os direitos reservados. 2021