Ajude a gente a continuar a estudar!

ID da vaquinha: 148526
Ajude a gente a continuar a estudar!
URL copiada!
0%
Arrecadado
R$ 0,00
de
Meta
R$ 14.950,00
Apoiadores
0
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens

Em setembro de 2015, comecei a ter fortes dores no final da coluna. Na época, eu fazia cursinho pré-vestibular para Medicina. Em 2016, as dores não cessavam e resolvi ir no médico. O médico deu o diagnóstico: "Cisto pilonidal!". E fui para a "faca" em março de 2016. Quando acordei após a cirurgia, assim que pude me recuperar da anestesia, senti o cisto ainda nas minhas costas: antes da cirurgia, o médico encontrou uma fistula perianal em mim e me operou dela por ser mais grave. Perdi um ano praticamente me recuperando, e então meu pai decidiu fazer um plano de saúde para que eu pudesse me operar do cisto. Seis meses depois, o plano liberou a cirurgia, dessa vez com outra médica e deu tudo certo na cirurgia. Eu estava muito ansioso por minha recuperação completa, para voltar a estudar e me dedicar novamente para prestar o vestibular e cursar medicina! Compartilhando dessa vontade de ir atrás dos sonhos está minha namorada, Beatriz. No mesmo ano em que passei em Odontologia, ela foi aprovada em Educação Física, na UFPA. Entretanto, em fevereiro, alguns meses antes do início do curso, o pai dela começou a sentir dores constantes no abdômen, vômito, fraqueza, náusea, fadiga, sangue nas fezes e desconforto. Tudo isso o deixou impossibilitado de ir trabalhar. As idas no pronto socorro, no hospital público começaram a tornar-se rotina e, para cobrir a mãe dela, minha namorada começou a ir trabalhar na padaria da família. Ao passo que o pai dela foi ficando cada vez mais debilitado, grandes dívidas da padaria foram sendo descobertas. Em menos de dois meses, o diagnóstico veio: ele estava com câncer de intestino. Cerca de um mês depois, ele iniciou a quimioterapia e por várias vezes ficou internado. Em outubro, infelizmente ele veio a falecer. Contudo, não nos permitimos "desistir" e, apesar da dor ainda recente, nos preocupamos em nos preparar novamente para o vestibular. Graças à professora Rosana Bastos, ganhamos meia bolsa na turma de Medicina do curso pré-vestibular dela. Porém, em março de 2017, as dívidas levaram a padaria a estar em processo de venda. A mãe da minha namorada foi viver com os parentes no interior e a minha namorada veio morar com a minha família para continuar os estudos. Porém, sem a padaria como fonte de renda, ela e sua mãe vivem de algumas ajudas financeiras dos parentes para pagar as dívidas remanescente bem como as mensalidades do cursinho, e eu e minha família ajudamos como podemos. Por isso, resolvemos criar uma vaquinha online para angariar os fundos necessários para nós realizarmos esse sonho e dar essa felicidade imensa às nossas famílias. Não abdicamos de coisas importantes por nada, abdicamos por um sonho. Um sonho que bateu na nossa porta e nos uniu, que dissemos pra nós mesmos que estamos dispostos a lutar. E como eu sempre digo, sem sonhos não somos nada. Minhas costas/cabeça estão doendo, tem matéria atrasada, ônibus lotado, o cansaço, o esgotamento, mas nada disso é mais importante que o nosso sonho... Vai valer a pena! Qualquer valor (qualquer valor mesmo!) que você puder doar fará toda a diferença! Se você não puder participar com dinheiro, fico muito feliz se você compartilhar essa mensagem, fazendo-a chegar a seus familiares e amigos!

 

Agradeço demais toda e qualquer ajuda!

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.

Todos os direitos reservados. 2021