Vaquinha / Outros / Dinheiro

Todos por um

ID da vaquinha: 61182
Todos por um
COMPARTILHE ESTA VAQUINHA
URL copiada!
34%
Arrecadado
R$ 1.720,00
de
Meta
R$ 5.000,00
Apoiadores
22
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens

Nós, estudantes brasileiros que saímos de nossas casas, nosso pais para conseguir concretizar o grande sonho de fazermos a faculdade de medicina, estamos aqui para pedir auxilio para nosso amigo, também estudante de medicina, de nacionalidade peruana, que agora luta por sua vida na UTI do hospital público da cidade de Rosário- Argentina.

No dia 12 de junho de 2016 por volta das 21h nossa residência que no momento tinha presente 14 pessoas, foi invadida por um delinquente.

Samuel Q., iria ao quiosco comprar um refrigerante, e ao abrir a porta se deparou com um homem de aproximadamente de 1,80, bem vestido, cabelos pretos, pele clara, armado com calibre 22. No momento em que se surpreendeu tentou fechar a porta para não deixar o homem entrar. Contudo, foi em vão, a porta era de vidro e o assaltante deu um tiro que acertou diretamente seu rosto.

Não satisfeito, o homem entrou, enquanto Samuel sangrava jogado no chão, se deparou com os demais moradores, que ao repararem que o ladrão estava armado, reagiram com grande desespero , gerando uma correria na casa para que cada um conseguisse salvar sua própria vida.

O ladrão ingressou na sala, que nessa hora já estava vazia, roubando pertences dos moradores. Depois de aproximadamente 10 minutos de pânico o ladrão deixou a casa e a policia e a ambulância conseguiram ser chamadas. A policia chegou prontamente, mas infelizmente a ambulância não agiu com tanta rapidez, demorando aproximadamente 40 minutos para chegar a casa.

Agora o foco é: Samuel ainda encontra-se no hospital. O últimos dias tem sido de constante luta para ele, cada dia tem conquistado uma melhora a mais no seu quadro. Quando chegou não conseguiam encontrar o projétil pela inflamação, hoje já sabem que ela se encontra em uma região que não oferece riscos. Ele ficou em coma induzido e hoje já esta semi-sedado. Mas os problemas que ele terá que enfrentar agora são financeiros.

Samuel que para sobreviver já trabalhava alguns dias da semana para conciliar com seus estudos, agora não poderá fazê-lo por um grande período de tempo. Sua mãe e sua irmã agora também se encontram desempregadas piorando a situação financeira que já era delicada antes. Ele precisará de fisioterapias, medicações e certamente auxilio para se manter por algum tempo. Por isso estamos aqui, para pedir a cada amigo, familiar ou a cada pessoa que essa Vaquinha alcançar, um pouco de solidariedade em forma de qualquer quantia de dinheiro. Somos poucos, mas queremos muito ajudar e para isso precisamos da ajuda de cada um de vocês.

Caso queiram comprovar a veracidade da história  segue um link da matéria no jornal "La Capital"  que saiu sobre isso :

http://www.lacapital.com.ar/un-estudiante-recibio-un-balazo-el-rostro-una-entradera-n963450

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.

Todos os direitos reservados. 2021