Ajudando as Crianças Africana de Guine Bissau.

ID da vaquinha: 22065
Ajudando as Crianças Africana de Guine Bissau.
0 coração recebido
COMPARTILHE ESTA VAQUINHA
URL copiada!
0%
Arrecadado
R$ 0,00
de
Meta
R$ 15.000,00
Apoiadores
0
Encerrada
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Corações Recebidos
  • Mensagens
Estas crianças são muito carentes de tudo,alimentação,carinho,e amor,moram em uma região no norte de Guine Bissau,e suas familias são muito pobres,devido ser uma comunidade afastada da capital eles não tem acesso a modernidade,como energia,escolas decentes e lazer,muitas delas são órfas,devido o alto índice de mortalidade por falta de socorro médico e por causa da pobreza por não terem dinheiro para comprar medicamentos.Esta cidade até hoje as pessoas trocam o sal que eles fazem no verão por comida na época das chuvas,sua plantação principal é o arroz e este ano para tristeza destas famílias o mar transbordou o local da lavoura e consequentemente não irão colher a plantação de arroz. deles.Por este motivo nós desejamos ir a este pais e levar um pouco de alegria e comida para este povo que é tão amável e querido,eles amam os brasileiros e nossa nação porque eles dizem que os brasileiros é um povo bondoso e ajuda muito os africanos. Temos muitas crianças e não podemos fazer um natal para todas mas o pouco que alcançarmos será um grande ato de amor e bondade para elas.Fazer uma crianças feliz não tem preço e nem dinheiro paga por este grande momento único na vida delas,vamos dar um pouco de alegria para estas crianças tão sofridas e que nos comove ver o quanto elas são felizes mesmo diante de tanta calamidade,com seus sonhos e fantasias.Amo de coração os africanos este continente que precisa urgente de nossa ajuda  e solidariedade,amigos vamos amar como Deus amou,amando nosso próximo e fazendo o bem sem olhar a quem,com certeza faremos um bem maior para nós do que para eles.
Encerrada
AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.

Todos os direitos reservados. 2022