Cover chala
Vakinha avatar

Vakinha de
Cristiane Saldanha
Porto Alegre/RS

Ajuda Marcelo (Chala) com AVC

ID da vaquinha: 386358

Copiar url:

Objetivo
R$ 12.000,00
Arrecadado
R$ 12.110,00
$ contribua

Eu, meu marido Marcelo e meu filho Samuel, somos uma família que, embora pequena, é cheia de amor e sonhos. Porém, em agosto, quando voltávamos de um passeio, fomos surpreendidos com um AVC hemorrágico no Marcelo. Poucas chances nos davam. No entanto, com amor, carinho, fé, perseverança e apoio da família e amigos, o Marcelo deu sinais de recuperação. A recuperação é cara. Precisamos de ajuda.

Criada em
18/10/2018
Encerra em
31/03/2019

Este texto, composto por letras e palavras, é acima de tudo um texto composto por amor e solidariedade. Solidariedade com um grande ser humano. Do sorriso franco, e sempre presente, do abraço carinhoso, do cara que sempre foi agregador e sempre procurou o bem de todos. Que ao longo do tempo se tornou irmão de muitos. Que sempre abriu sua casa a todos. Do filho do Morão e da Teresinha. Devoto de Nossa Senhora da Conceição (ou Iemanjá). Do Morro Santa. Do Colorado e da Coréia. Do Santa Inês. Do Folhetim do Zaire. Do Esporte Clube Barão de Guanabara. Da Praia do Pinhal.

Pois bem, foi lá no Pinhal que o Marcelo Ali Chala Moreira Trindade, o Chala, teve um primeiro AVC. Um susto muito grande em todos que o ajudaram na época. Isso foi há uns 15 anos mais ou menos. Um AVC hemorrágico. Sério. Mas, com o tempo e cuidados, ele se recuperou plenamente. De lá para cá, o Chala também passou a ser da Cris e do pequeno Samuel. Pai de família. Marido. E sempre um baita amigo.

Em 5 de agosto deste ano o Marcelo teve um segundo AVC, também hemorrágico, e muito sério. Lado direito paralisado, fala e alimentação prejudicadas. Aos pouquinhos, com a ajuda de Deus, amigos e familiares, começando a se reabilitar. Passou mais de mês no hospital. Agora está em casa. A expectativa é que com os cuidados básicos que a recuperação nessa fase requer (fisioterapia e fonoaudiologia), tenha-se uma evolução na fala e nos movimentos básicos. Além de amor e carinho, precisa de ajuda. Financeira. 

Eu, como esposa do Marcelo, tive que deixar um de meus empregos como professora para acompanhar e, nos meus parcos conhecimentos, tentar a ajudar na recuperação do meu amor e pai do Samuel.

Ajude da forma que puder. Com R$ 5, R$ 10, R$ 50, R$ 100,00 ou R$ 500,00, enfim.

O custo com cuidadoras/enfermeiras, fisioterapeuta, fonoaudióloga, remédios e outros materiais é alto.

O Chala, a Cris, o Samuel, a Dona Teresinha e a corrente de solidariedade que se formou agradecem.     

$ contribua

Novidades (1)

Cristiane Saldanha publicou em 20 de Dezembro de 2018:

Oi, 

Só agora consegui parar para te agradecer, porque a luta tem sido diária. O mínimo que posso fazer por ora para agradecer pela tua ajuda, é relatar um pouquinho como tá o Marcelo. 

Graças a Deus e com o apoio dos profissionais, que só foi possível com a ajuda de todos, o Marcelo tem avançado nas questões motoras. Ainda está bastante limitado nos movimentos do lado direito, porém, a evolução tem sido enorme. Há um mês retirou a traqueostomia, que o possibilitou a reaprender a falar e a deglutir; ontem retirou a sonda gástrica, voltando a se alimentar, por via oral, com líquidos e alimentos pastosos. A cada nova etapa é uma reconquista de vida. Toda essa evolução se deu até então porque o Marcelo vem sendo assistido diariamente por fisioterapeuta e acompanhante/cuidador, e, por 2x na semana, por fonoaudióloga. 

Também entramos em alguns programas do Governo como: Melhor em Casa, tendo ajuda uma vez por semana de nutricionista, enfermeira, médico e psicóloga que vão em casa.

Na semana passada fomos chamados na AACD e ganhamos as órteses necessárias para recuperação motora de braço e perna, mas, para o atendimento de fisio, foi necessário entramos numa fila de espera de até um ano. Isso quer dizer que ainda teremos despesas com fisioterapia e fonoaudiologia, excelentes profissionais que estão colocando o Marcelo de pé, ajudando na recuperação diária dele. 

Neste mês ingressei com um processo judicial para tentarmos o custeio total (ou ao menos parcial) das despesas - que são altas - com os cuidadores, fisioterapeuta e fonoaudióloga. Mas, para o nosso azar, ontem o Judiciário entrou em recesso, o que pode atrasar a decisão até fevereiro ou março.

Se tudo der certo, a partir dessa decisão a minha necessidade de custeio direto dessas despesas diminuirá substancialmente. Mas, ainda, tenho uma caminhada pela frente. Com a ajuda de amigos e familiares, da farmácia do governo, consegui amenizar um pouco os gastos com materiais e remédios, já que tenho um bom estoque de fraldas, lenços umedecidos, luvas, etc. 

Porém, meu receio é de que não consiga manter os profissionais por esses próximos meses.

Por isso, e dentro das possibilidades de vocês, solicito um apoio adicional à vakinha (http://vaka.me/wr1p2d), que se encerrará dia 16/janeiro. Mesmo que já tenha chegado muito próximo ao valor sugerido, que só foi possível com a tua ajuda, é claro - e por isso agradecemos de coração -, é possível ultrapassar o valor sugerido. Sei que o período é de correria e de compromissos e, que caso não seja possível, entenderemos perfeitamente.

Aproveito para agradecer novamente pela ajuda e também desejar a vc e à família, um Feliz Natal, repleto de muita luz, amor, saúde, paz em Cristo e prosperidade! Fiquem bem.

Bjs e abraços da nossa família!

Marcelo (Chala), Cris e Samuka

Quem ajudou (97)

  • Guilherme Bordin
    em 30 de Janeiro de 2019

  • anônimo
    em 20 de Dezembro de 2018

  • Beatriz
    em 19 de Novembro de 2018 diz: 🙌🙌🙌🙌🙌 Logo estará com toda saúde!!! Deus ha de abençoar! 🙌😘

  • Jefferson C. Lucas (Bodão)
    em 11 de Novembro de 2018

  • Angélica Carvalho da Silva Armani
    em 02 de Novembro de 2018

  • cibele otavia reys
    em 27 de Outubro de 2018

  • Gatto
    em 25 de Outubro de 2018 diz: Boa recuperação Chala!! Força ai meu, tudo de bom!

  • Fernanda Santos Machado
    em 24 de Outubro de 2018

Denuncie

É necessário estar identificado para fazer uma denúncia. Registre-se ou faça login.

AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.