Vaquinha / Outros / Dinheiro

Ajuda animal sem bico

ID da vaquinha: 26928
Ajuda animal sem bico
URL copiada!
1%
Arrecadado
R$ 20,00
de
Meta
R$ 4.000,00
Apoiadores
1
  • Sobre
  • Novidades
  • Quem ajudou
  • Mensagens
Precisamos de ajuda para financia a ida de profissionais a Sinop/MT a fim de colocar uma prótese de bico neste araçari abandonado. OS profissionais não cobrarão a mão de obra, mas precisamos custear deslocamento, hospedagem, alimentação e materiais cirúrgicos. São os melhores profissionais do Brasil nesta área e poderão salvar a vida deste animal!!! A empresa Flex Vet do Brasil, que fabrica materiais de uso veterinário cederá materiais e auxiliará financeiramente. Faça sua parte, ajude-nos a salvar esta vida. Um araçari que estava com o bico quebrado foi deixado dentro de uma caixa no quartel do Corpo de Bombeiros de Sinop, cidade a 503 km de Cuiabá. Segundo os bombeiros, a ave, que se assemelha a um tucano, estava com parte do bico quebrado e aparentemente não conseguia se alimentar. O pássaro foi encaminhado nesta terça-feira (15) para a Associação de Reabilitação e Reintrodução de Animais Silvestres (ARRAS), em Sinop. “Deixaram essa ave no quartel, dentro de uma caixa e ninguém sabia o que tinha ocorrido com ela. Ao que parece ela não conseguia comer, dava para perceber que ela estava com fome, mas com o bico quebrado não conseguia se alimentar”, disse ao G1 o sargento dos bombeiros, Pedro Ribas. Os bombeiros levaram o animal até a associação para que ele pudesse passar por uma avaliação de veterinários. A ARRAS é formada por professores, técnicos e alunos da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). Vejam o caso completo do animal em: http://g1.globo.com/mato-grosso/noticia/2015/09/ave-com-bico-mutilado-e-abandonada-em-caixa-em-cidade-de-mato-grosso.html Saibam mais sobre o trabalho destes profissionais em: http://g1.globo.com/fantastico/videos/t/edicoes/v/jabuti-recebe-protese-de-casco-feita-em-impressora-3d-apos-incendio/4316900/
AVISO LEGAL: O texto e as imagens incluídos nessa página são de única e exclusiva responsabilidade do criador da vaquinha e não representam a opinião ou endosso da plataforma Vakinha.

Todos os direitos reservados. 2021